A Maldição de Mac-Dhurbam

Página 8 de 10 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Natalie em Qui 1 Ago 2013 - 14:27

Amora levantou-se para explicar ao theurge que nao se identificara.

- Sou Amora Deschamps, Brava Canção de Batalha galliard dos Fenrir. Estava perseguindo um Dançarino da espiral Negra que massacrou uma vila perto do meu territorio. Ele invocou Malditos para ajudá-lo e por pouco sobrevivi. Encontrei um outro fenrir, que me atacou de surpresa e entao não me lembro de nada mais.

Ela parou e perguntou:

- O que houve?


*Ações*
- Falas
"Pensamentos"
avatar
Natalie
Filhos de Gaia
Filhos de Gaia

Mensagens : 792
Data de inscrição : 15/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Ter 6 Ago 2013 - 15:14

Jon White


Jon dorme de exaustão, após deixar sua mente voar ele literalmente desliga e só toma conta de si quando é chamado para o jantar pela esposa de Hilber que se desculpa com Jon...

Tina - Perdão meu senhor, não tinha a intenção de incomodá-lo. Mais estais a durmir desde sua chegada, creio que já deva estar com fome agora que é noite alta.

Ela fecha novamente a porta do quarto onde Jon repousa e na realidade a fome bate forte e o Garou consegue sentir o cheiro de uma deliciosa sopa e chá de ervas. Após estar composto Jon vai à mesa e nota com estranheza a falta do anfitrião, a esposa de Hilber se apressa e diz a Jon...

Tina - Não se preocupe meu senhor, logo meu esposo estará conosco. Como líder da aldeia e filho de Moratti ele tem muitas responsabilidades e tudo passa pelo crivo dele.

Jon é servido, a sopa está realmente divina. Logo Hilber entra no recinto e pede para sua esposa servi-lo e depois deixá-los a sós...

Hilber - Espero que esteja fortalecido novamente senhor Jon, temos problemas. Temos algumas cabeças de gado que cuidamos em uma área mais afastada da aldeia. Fui informado que 2 touros adultos foram mortos, ambos estavam secos como folhas que caem no inverno. Não sei se é obra da bruxa, mais é preciso informar Crina de Prata, como senhor é Garou, creio que é o mais indicado para isso.

Jon percebe um certo nervosismo na voz de Hilber e um olhar inquieto.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Ter 6 Ago 2013 - 15:27

Amora

Odor de Espíritos olha atentamente para a jovem Galliard e diz...

Odor de Espíritos - Então você é a Garou que invadiu este território e foi abatida por Nascido para Matança. Disse que perseguiu um Espiral Negra e foi atacada vindo parar aqui? Estranho, este é o pior lugar onde poderia ter parado, uma terra maldita que tem cheiro da Wyrm por todos os lados. 

Amora observa atentamente o estranho Theurge que lhe mostra o corpo do mulo morto e um poço próximo a ele...

Odor de Espíritos - Se os espíritos não me ocultaram mais nada, vocês saíram deste lugar. O que lembra de ter visto do outro lado, como era a umbra onde você esteve?

Amora nota preocupação no Theurge que ao ouvir os uivos fala para ela de forma apressada...

Odor de Espíritos - Se quer ajudar a seus irmãos de tribo, vá rápido para o sul, passará um local humano chamado cidade, não saia da estrada até passar por este lugar dos símios. Depois ao cruzá-lo vire na mata a sua direita e fareje água, vai encontrar um córrego. É o limite para entrada de um Caern do Garras Vermelhas, deverás procurar por Choro dos Céus e contar que as terras mais ao norte continuam perdidas, ele saberá o que fazer. Enquanto isso, que Gaia e o Grande Fenris nos deem boas batalhas.

O Theurge vai de encontro aos uivos, deixando apenas 2 Garou junto ao poço e ao corpo do mulo. Amora terá de refletir se fica ou se retira das batalhas que estão por vir.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Tony.Zefs em Ter 6 Ago 2013 - 18:02

Ao me aproximar de meus companheiros caídos, percebo que o Galliard está morto e que o Ragabash ainda respira. Assumo minha forma de batalha e os recolho me retirando do local, mesmo com a fúria ainda ardendo no peito.
Ao prosseguir pelo caminho, me deparo com Erimant, que me guia em segurança pelo local, até me encontrar com o Theurge, o mesmo está acompanhado do Fianna e outros dois símios.
Deixo meus companheiros ao chão e ouço as palavras do Fianna, percebo que ele se aproveitou para salvar outros simios que não valiam o risco, mas salvar um filhote e alguns parentes é nosso dever como guerreiros de gaia. Sinto o peso da perda do Galliard.
”Vou viajar ao seu territorio de origem caso sobreviva a punição, para levar a mensagem aos seus irmãos...
Ouço o uivo nos convocando para a assembleia. Ao entrarmos no Caern, vejo uma movimentação grande, levam o corpo do Ragabash para repousar.
Sigo de forma confiante a frente do grupo. Ao estar a frente do Ancião o corpo do Galliard é depositado aos seus pés... O Mesmo fala de forma ríspida sobre a nossa atitude... Assim que ele termina de falar, peço permissão para poder falar.
Caso seja autorizado a falar: ”Eu assumo a responsabilidade pela perda de nosso irmão, porem o mesmo lutou bravamente, impedindo o avanço do maldito e nos ganhando tempo para lutar, ele sabia dos riscos o qual eu lhes convoquei e o mesmo se mostrou um valoroso companheiro, lamento a perda dele, carregarei essa cicatriz e aceito o fardo da punição que me couber. Mas acredito que a vida de parentes e filhotes valessem o risco de perder a minha vida...Mas reconheço a minha falha em não seguir as ordens estabelecidas.
Sigo o Ancião ao local designado, mantenho a minha cabeca erguida e disposto a aceitar as punições.


Narração
Minha Fala
Pensamento


                                                                                                         

Neal Schmitt -  Domador de Aranhas - Andarilho do Asfalto - Hominideo - Ragabash

Presa de Sangue - Garra Vermelha - Lupino - Arhoun

Oliver Queen - Parente Fianna - Socio da Alpha Moon
avatar
Tony.Zefs
Moderador
Moderador

Mensagens : 540
Data de inscrição : 25/09/2012
Idade : 29
Localização : Casa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Klauss Krugger em Qua 7 Ago 2013 - 21:05

LeoPrata escreveu:Jon White

Jon é servido, a sopa está realmente divina. Logo Hilber entra no recinto e pede para sua esposa servi-lo e depois deixá-los a sós...

Hilber - Espero que esteja fortalecido novamente senhor Jon, temos problemas. Temos algumas cabeças de gado que cuidamos em uma área mais afastada da aldeia. Fui informado que 2 touros adultos foram mortos, ambos estavam secos como folhas que caem no inverno. Não sei se é obra da bruxa, mais é preciso informar Crina de Prata, como senhor é Garou, creio que é o mais indicado para isso.

Jon percebe um certo nervosismo na voz de Hilber e um olhar inquieto.

*Jon pensa por alguns segundos.*

Jon -- Primeiro devo agradecer pela sua hospitalidade, pois se o senhor não abrisse os portões de sua aldeia certamente eu teria muito mais sangue inocente em minhas mãos e que possuo uma divida de gratidão para contigo e com a matilha de Crina de Prata, por isso pode contar comigo, além de que os membros da comitiva estarão mais seguros aqui do que em viajem.

*Jon levanta-se e caminha rapidamente para fora da vila e procura por um local onde não será visto por ninguém e muda para lupino se afasta o mais rápido que puder da vila e emite um uivo de chamado para a matilha de Crina de Prata.*


Citação
Ação
Pensamento
Narração
Fala

"Leões e Tigres são fortes... mas lobos não trabalham em circo."

ficha Klauss Krugger
avatar
Klauss Krugger
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 2494
Data de inscrição : 18/04/2011
Idade : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Zayrus em Ter 13 Ago 2013 - 13:40

O rapaz se confirma como novo integrante da caravana, aquilo de certa forma era um alívio, ter um Garou ajudando na proteção dos homens que eu havia sido destinado a fornecer era um bom sinal. Ainda assim, precisava considerar o que Arthos já havia feito em nome da caravana, seu gesto havia sido nobre, minha atitude em partes havia tido bons resultados, salvar a vida de um Garou já era uma notícia boa por si só.

Após terminar de ouvir Arthos, é inevitável um sentimento de frustração. Uma árvore sempre vai poder florescer novamente se dispor de suas raízes, Tempest ainda estava vivo, aquilo me dava um propósito futuro. Não deixaria um trabalho em sua metade, assim que possível retornaria aquele lugar dito como amaldiçoado e libertaria aquele povo, mas no momento minhas condições eram inviáveis pra tais feitos, precisava seguir a diante com a caravana.

Penso durante um tempo, tentando reorganizar as informações em minha cabeça, então tomo a fala para Arthos: -Disse-me que tens como destino o mesmo local da caravana, então devo presumir que saibas dos boatos que correm por estas terras. Afinal, de onde surgiram estas histórias? Pelo que vi no vilarejo parecem ser bem reais, e comprometer em larga escala a preservação do Véu. A propósito... Que criaturas eram aquelas? Todos eram bastardos?- Não me importava em demonstrar curiosidade, era necessários estar a par dos ocorridos e a julgar pela Tribo a qual meu informante pertencia, era de se esperar que ele tivesse ao menos grande parte das respostas que eu necessitava. Após o mesmo responder minhas perguntas diria: -Bom, sendo assim vamos retomar viajem. - Então me dirigiria a caravana para prosseguirmos.
avatar
Zayrus
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 250
Data de inscrição : 05/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Natalie em Ter 13 Ago 2013 - 21:52

Odor de Espíritos - Então você é a Garou que invadiu este território e foi abatida por Nascido para Matança. Disse que perseguiu um Espiral Negra e foi atacada vindo parar aqui? Estranho, este é o pior lugar onde poderia ter parado, uma terra maldita que tem cheiro da Wyrm por todos os lados.
Amora deu de ombros e respondeu:

- Acho que o Espiral estava fugindo pra cá pra procurar reforços.

Odor de Espíritos - Se os espíritos não me ocultaram mais nada, vocês saíram deste lugar. O que lembra de ter visto do outro lado, como era a umbra onde você esteve?
Tentando puxar pela memória, Amora descreveu:

- Eu o estava perseguindo pela floresta, então nós caímos numa lagoa escura e já estávamos na umbra, lutando, onde ele invocou Malditos para ajudá-lo. Eu o matei, mas depois disso não me lembro o que aconteceu.


Odor de Espíritos - Se quer ajudar a seus irmãos de tribo, vá rápido para o sul, passará um local humano chamado cidade, não saia da estrada até passar por este lugar dos símios. Depois ao cruzá-lo vire na mata a sua direita e fareje água, vai encontrar um córrego. É o limite para entrada de um Caern do Garras Vermelhas, deverás procurar por Choro dos Céus e contar que as terras mais ao norte continuam perdidas, ele saberá o que fazer. Enquanto isso, que Gaia e o Grande Fenris nos deem boas batalhas.
Amora entendeu que seu papel de mensageira era parte do esforço de guerra. MAs não lhe agradava ficar longe da batalha. Ela perguntou então:

- Depois de avisá-los, eu posso voltar para ajudá-los na batalha?

Ela já estava mudando para a forma lupina para começar a jornada.



*Ações*
- Falas
"Pensamentos"
avatar
Natalie
Filhos de Gaia
Filhos de Gaia

Mensagens : 792
Data de inscrição : 15/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Qua 14 Ago 2013 - 15:12

Presa de Sangue

Com a linhagem e o peso do sangue nobre que carrega o jovem Garra Vermelha se põe à frente e como era de se esperar de um líder nato fala...


”Eu assumo a responsabilidade pela perda de nosso irmão, porem o mesmo lutou bravamente, impedindo o avanço do maldito e nos ganhando tempo para lutar, ele sabia dos riscos o qual eu lhes convoquei e o mesmo se mostrou um valoroso companheiro, lamento a perda dele, carregarei essa cicatriz e aceito o fardo da punição que me couber. Mas acredito que a vida de parentes e filhotes valessem o risco de perder a minha vida...Mas reconheço a minha falha em não seguir as ordens estabelecidas."

Choro dos Céus apenas ouve o que Presa tem a dizer e assim que ele termina o Ancião faz um gesto para que ele e Faro para o Invisível o sigam, enquanto o Fianna se retira de forma rápida do Caern. Presa e Faro são levados por Choro dos Céus para um tipo de emaranhado de plantas, próximo a ele a figura em pedra de um Touro e objetos como ossos, punhados de terra e pedras diferentes junto ele. Choro dos Céus então fala...

Choro dos Céus - Estão diante do local sagrado de oferendas ao espírito protetor deste Caern e perante ele estarão aceitando sua punição. Vocês vão até as Terras ao Norte, não temos contato com nossos irmãos da seita Mata Fria faz muitas luas e cada um do Caern teme o pior. Sigam a estrada e passem pela aldeia dos símios e continuem, vão chegar em uma terra que os símios chamam de Mac-Dhurbam, quando passarem de um morro pequeno farejem com atenção, vão sentir o cheiro da trilha do espírito do Javali. Ele protege aquelas terras. Agora vão e não façam coisas erradas.

A ida até uma seita do povo protegida pelo Javali deixava Presa esperançoso de encontrar um paradeiro de seu pai. Após a conversa Morte Limpa reaparece já curado de seus ferimentos e pronto para partir. 


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Qua 14 Ago 2013 - 15:45

August Faux

O Presa ainda se recupera de seu combate violento com Daven, mais sabe que tem deveres com todos que ali estão e deve se manter a par do que acontece e Arthos parece ser bem informado, logo August vai direto ao ponto...


Disse-me que tens como destino o mesmo local da caravana, então devo presumir que saibas dos boatos que correm por estas terras. Afinal, de onde surgiram estas histórias? Pelo que vi no vilarejo parecem ser bem reais, e comprometer em larga escala a preservação do Véu. A propósito... Que criaturas eram aquelas? Todos eram bastardos?

Arthos - Vou tentar resumir tudo que sei e o que o povo conta. As terras ao Norte de nome Mac-Dhurbam foram varridas já faz um tempo por um tipo de peste e a maior parte do povo de lá desapareceu. Os poucos que ficaram vivos não estão mais bem da cabeça para contar nada, só falam de algo que voava e assombrava a todos ao cair da noite e de legiões de demônios atacando junto a este ser alado. O vilarejo já está na mira dos Sentinelas e do seu povo faz um tempo, só que o Lorde tem muito poder e influência até no clero de algumas aldeias próximos e me arrisco a dizer que também possui fortes conexões com os governantes e o clero de Oxxion, Randaway e do próprio poder central de todo o condado em Northumberland. As pessoas creem em um tipo de mal que as açoita por culpa delas próprias e por isso aceitam as ordens do Lorde como se ele fosse um "salvador" da alma delas, além claro de usar algum tipo de feitiço para fortalecer ainda mais essa crença das pessoas. Por fim Lord Tempest tem um exército considerável, sendo que vai de soldados comuns até criaturas que nem imaginávamos que existiam. Aqueles que estavam com eles eram sua guarda pessoal... Rarok e Davem são Espirais Negras, Uivadores caídos. A encantadora de corvos é vampira como Tempest e Hayate é um membro do povo cobra vindo do Oriente. Cada um se juntou a Tempest em um momento oportuno e é leal as suas ordens. Pelo que sei reza a lenda que Tempest assassinou seu senhor e tomou para si suas posses, exterminou o exército de seu antigo senhor e montou um ainda mais poderoso. Bem é isso, acho que falei bastante..kkkk

Arthos pede uma bebida para molhar a garganta depois de sua narrativa que deixa August sem fala ecom milhares de pensamentos, entre eles o mais estarrecedor é saber que o vil sanguessuga controla membros que deveriam servir à Deus.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Qua 14 Ago 2013 - 16:06

Amora

Odor de Espíritos escuta a jovem e vê sua insatisfação, porém, percebe que ela está disposta à ajudar...


Depois de avisá-los, eu posso voltar para ajudá-los na batalha?

Odor de Espíritos - Se Fenris nos quiser vivos quando voltar tenho certeza que muita coisa inda vai precisar ser feita e mais batalhas vão acontecer. Todo irmão Fenris deve ser bem vindo em batalha.

Amora deduz que o problema naquele local é grande e se apressa em buscar a ajuda. O caminho é longo e o frio daquelas matas intenso. 

Off: Vou te mandar um post por mp amanhã Nat e responda baseada nele.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Qua 14 Ago 2013 - 16:28

Jon White

Jon volta ao bosque para entrar em contato com crina de Prata, logo seu uivo é respondido e rapidamente Crina de Prata e sua matilha estão reunidos juntamente com Jon...

Crina de Prata - Garras da Justiça terá hoje um trabalho juntamente com seus irmãos de tribo. Vamos caçar a bruxa noite adentro e não descansaremos até ela estar aniquilada. Esta criatura é um espírito maldito ardiloso e possui muitas formas para enganar. Vamos cobrir uma distância maior separados, mais uivem assim que avistarem a bruxa e a ataquem sem piedade. Que Gaia e o Falcão estejam com todos.

Crina é duro e seco para falar, é visível para Jon que ele está preocupado e se culpando por ter trazido a bruxa para aldeia de parentes. Apesar de achar melhor combater sozinho como sempre fez, Jon crê que em matilha poderia ser mais difícil serem surpreendidos, porém, parece que Crina quer acabar com tudo o mais rápido possível. Sobra para Jon vasculhar a leste da aldeia, é um bosque agradável e com bastante clareiras. Pode-se escutar o som de animais noturnos e porcos selvagens perambulando, não tarda para Jon farejar um cheiro de sangue e fezes. Jon encontra um porco selvagem esvicerado e com marcas estranhas de presas e é possível ter a sensação de estar sendo observado constantemente. Seguindo mais adiante Garras avista o que lhe parece um poço e um odor estranho de enxofre lhe enche as narinas deixando seus sentidos lupinos desnorteados. Um rugido é ouvido ao longe e depois uivos e risos frenéticos, todos são desconexos e não dizem nada com nada, porém, vem diretamente para onde está o Presa de Prata.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Tony.Zefs em Dom 18 Ago 2013 - 22:30

Choro dos Céus ouve com atenção as minhas palavras, e nos encaminha para um local sagrado, onde a figura do Touro está presente.

Ele fala que a nossa punição será ir até a uma seita ao norte que não tem entrado em contato com ele a varias luas e que o Caern inteiro pensa que o pior pode ter acontecido.

”A minha punição é também uma importante missão, sei que muitos temeriam por suas vidas... Mas sei que o Javali não me guiaria para a minha morte, e sim para a minha gloria e para que eu encontre informações sobre meu pai...

Ouço com atenção o que Choro dos Céus fala e me coloco em posição de aceitar a sua punição, porem mantenho a minha postura inicial e líder e guerreiro.

”Obrigado, irei a essa terra dos símios e mesmo que somente meu uivo seja ouvido, saberá sobre o que ocorre nessa terra.

Vejo que o Ragabash retorna já curado, cumprimento-o. Assim que terminamos de falar com o Ancião, vamos ao ritual do Galliard e partimos assim que nos revitalizamos e comemos o suficiente para o inicio da viagem.

Sigo a estrada com o Theurge e o Ragabash, passamos próximo a aldeia e seguimos rumo a terra dos Símios.


Última edição por Tony.Zefs em Ter 20 Ago 2013 - 5:57, editado 1 vez(es)


Narração
Minha Fala
Pensamento


                                                                                                         

Neal Schmitt -  Domador de Aranhas - Andarilho do Asfalto - Hominideo - Ragabash

Presa de Sangue - Garra Vermelha - Lupino - Arhoun

Oliver Queen - Parente Fianna - Socio da Alpha Moon
avatar
Tony.Zefs
Moderador
Moderador

Mensagens : 540
Data de inscrição : 25/09/2012
Idade : 29
Localização : Casa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Klauss Krugger em Seg 19 Ago 2013 - 19:48

LeoPrata escreveu:Jon White
Crina de Prata - Garras da Justiça terá hoje um trabalho juntamente com seus irmãos de tribo. Vamos caçar a bruxa noite adentro e não descansaremos até ela estar aniquilada. Esta criatura é um espírito maldito ardiloso e possui muitas formas para enganar. Vamos cobrir uma distância maior separados, mais uivem assim que avistarem a bruxa e a ataquem sem piedade. Que Gaia e o Falcão estejam com todos.
Jon -- Tenho minha parte de culpa por termos trazido a bruxa até a aldeia, se não fosse por minha causa vocês não teriam vindo para a aldeia, nem revelado sua localização para a Corrompida, podem contar comigo para o embate.

*Jon segue em sua forma lupina porém não esquece as palavras da bruxa
LeoPrata escreveu:Mulher - Tolos, entre os teus juiz do povo existe um que tem o coração apertado por temores e incertezas. Saiba que logo ele estará ao nosso lado.
.*

(Sei que o juiz a que ela se refere sou eu, mas como ela crê que vou passar para o lado dela posso usar isso a meu favor.*

LeoPrata escreveu:
Crina é duro e seco para falar, é visível para Jon que ele está preocupado e se culpando por ter trazido a bruxa para aldeia de parentes. Apesar de achar melhor combater sozinho como sempre fez, Jon crê que em matilha poderia ser mais difícil serem surpreendidos, porém, parece que Crina quer acabar com tudo o mais rápido possível. Sobra para Jon vasculhar a leste da aldeia, é um bosque agradável e com bastante clareiras. Pode-se escutar o som de animais noturnos e porcos selvagens perambulando, não tarda para Jon farejar um cheiro de sangue e fezes. Jon encontra um porco selvagem esvicerado e com marcas estranhas de presas e é possível ter a sensação de estar sendo observado constantemente. Seguindo mais adiante Garras avista o que lhe parece um poço e um odor estranho de enxofre lhe enche as narinas deixando seus sentidos lupinos desnorteados. Um rugido é ouvido ao longe e depois uivos e risos frenéticos, todos são desconexos e não dizem nada com nada, porém, vem diretamente para onde está o Presa de Prata.
*Ao encontrar o poço Jon assume sua forma guerreira e fica parado próximo a ele, e se prepara para um possível combate caso a bruxa apareça e não caia em sua lábia.*

Off.: Independente se for a bruxa ou um grupo de Dançarinos ou outra criatura da Wyrm que aparecer Jon tentará conversar para ganhar tempo aproveitando sua raça puta nos testes sociais

Jon -- Finalmente apareceu(apareceram), foi profetizado que me juntaria a você (vocês), pois bem estou aqui pra isso.


Citação
Ação
Pensamento
Narração
Fala

"Leões e Tigres são fortes... mas lobos não trabalham em circo."

ficha Klauss Krugger
avatar
Klauss Krugger
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 2494
Data de inscrição : 18/04/2011
Idade : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Qui 22 Ago 2013 - 15:27

Presa de Sangue

Presa parte junto com os membros restantes de sua matilha rumo ao desconhecido. O local dos símios que eles salvaram da profanação total está quieto para não dizer deserto. Eles simplesmente atravessam e depois de andar um pouco Presa consegue escutar o som de Javalis a frente, isto seria um bom sinal? 

A matilha continua sua jornada não se deixando distrair, apenas parando para um rápido descanso e logo depois retornando. Fazem isso por quase um dia todo até chegarem próximos a uma colina...

Faro para o Invisível - Alfa os espíritos sussuram que existe uma passagem segura por dentro destas rochas, eles levam a uma seita pequena da tribo Fianna.

Presa sabe que mais cedo ou mais tarde vão precisar de provisões e por não conhecerem nada das terras onde irão seria até interessante se conseguissem um ômega para guiá-los a frente e ser o primeira a avistar um eventual perigo.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Qui 22 Ago 2013 - 15:44

Jon White

O Presa de Prata se posiciona ao escutar os sons estranhos, ele fica de pé à frente do poço e logo vê 3 homens de aparência estranha para não dizer monstruosa e uma linda menina de pele branca e cabelos negros encachiados. Jon não hesita e fala...

Jon -- Finalmente apareceu(apareceram), foi profetizado que me juntaria a você (vocês), pois bem estou aqui pra isso.
??? - Não é você que eu queria para brincar? Será que me enganei?? Haha deixa pra lá se você quer ficar aqui com a gente não tem importância, se importa de nos deixar pegar um pouco de água do poço?

[Rolamento secreto]

A voz da menina é doce e pura, Jon sente seu coração se encher de alegria somente de escutar a voz da pequena, entretanto, o jeito estranho como os 3 homens o encaram o trás à realidade. A menina não parecia nem um pouco assuatada em vê-lo, isso era possível? Seria aquilo um estrategema da bruxa? Tirar água daquele poço fétido? Algo estava muito estranho e o jovem Filodox sentia isso em seus ossos, logo um dos homens fala com voz gutural...

??? - Saia de nossa terras monstro, não temos medo de você. Outros já vieram e viraram banquete em nossa mesa.

[Rolamento secreto]

A fala dele é intimidadora mais Jon não cai na dele e se mantém firme, entretanto algo o deixa mais perturbado quando a menina fala...

??? - Não tratem ele mal, não era quem achávamos que íamos encontrar mais podemos ser todos amigos não é? Afinal ele está aqui então o tio Connor está desprotegido lá na aldeia.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Klauss Krugger em Ter 27 Ago 2013 - 18:22

LeoPrata escreveu:
??? - Saia de nossa terras monstro, não temos medo de você. Outros já vieram e viraram banquete em nossa mesa.

A fala dele é intimidadora mais Jon não cai na dele e se mantém firme, entretanto algo o deixa mais perturbado quando a menina fala...

??? - Não tratem ele mal, não era quem achávamos que íamos encontrar mais podemos ser todos amigos não é? Afinal ele está aqui então o tio Connor está desprotegido lá na aldeia.[/justify]
*Jon caminha lentamente enquanto ouve a menina e os 3 homens falarem com ele.*

(Connor??? O que você está escondendo seu desgraçado.)

*Jon sorri.*

Jon -- Já que não é a minha pessoa que a milady esperava...
ã
*Jon mal acaba de responder queima sua fúria muda para sua forma hispo e sai em disparada na direção da vila dos parentes dos Presas de Prata, enquanto corre uiva pedindo ajuda a matilha de Crina de Prata.*

Ação: Gasto de 6 pontos de fúria, uso de um dos pontos para mudar para histo e nos demais corre em direção vila


Citação
Ação
Pensamento
Narração
Fala

"Leões e Tigres são fortes... mas lobos não trabalham em circo."

ficha Klauss Krugger
avatar
Klauss Krugger
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 2494
Data de inscrição : 18/04/2011
Idade : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Tony.Zefs em Dom 1 Set 2013 - 10:37

Depois de passar pela cidade, que está deserta, seguimos viajem… Em pouco tempo escuto o som de javalis correndo…

”Estamos seguindo o caminho certo… Em pouco tempo alcançaremos o nosso destino”

Alcançamos a colina no tempo de um nascer da Estrela Gigante, enquanto paramos para observar a paisagem, Faro para o Invisível relata que os espíritos indicam um caminho para uma Seita Fianna.

Observo a paisagem, não conheço essa terra, reconheço que necessitamos de alguém para nos guiar.

”Fiannas… Acho que sejam nossa melhor escolha mesmo… Vamos lá…

Seguimos o caminho rumo a Seita, quando nos aproximarmos o suficiente para estarmos sendo vistos pelo Vigia, uivo para nos apresentar e informar que estamos nos encaminhando para lá.

Testes
Spoiler:
Um teste de instinto primitivo e raça pura para o Uivo para sermos muito bem recebidos caso tenha necessidade

OFF
Spoiler:
Leo, poderia colocar que agora carrego algum tipo de simbolo referente ao Galliard morto? Uma das suas presas ou uma pedra com seu Glifo ou algo do tipo? Apenas para valorizar a ideia do personagem mesmo, caso não julge valido pode desconsiderar.


Narração
Minha Fala
Pensamento


                                                                                                         

Neal Schmitt -  Domador de Aranhas - Andarilho do Asfalto - Hominideo - Ragabash

Presa de Sangue - Garra Vermelha - Lupino - Arhoun

Oliver Queen - Parente Fianna - Socio da Alpha Moon
avatar
Tony.Zefs
Moderador
Moderador

Mensagens : 540
Data de inscrição : 25/09/2012
Idade : 29
Localização : Casa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Sex 6 Set 2013 - 13:32

Jon white

Jon sai em disparada e uiva por ajuda, sua mente se perde um pouco em pensamentos e o porquê estão atrás de Connor. Logo ao longe Jon escuta um uivo convocando-o para batalha e guiado pelo som o Presa de Prata chega a um descampado onde a matilha de Crina de Prata está cercada por um grupo de fomoris, próximo à matilha está Connor. Ele parece estar sob efeito do delírio, porém, se contorce no chão como se algo o afligisse. 

Crina de Prata - Temos mais um irmão agora para equilibrar esta luta sua bruxa maldita. APAREÇA!!!!

Jon não tinha o efeito surpresa mesmo, pois, o local não lhe era favorável, mais parece que a tal bruxa os espreitava. Uma voz familiar fala de forma doce a todos, causando temor...

???? - Matem todos.


Off: Junto com a matilha são 4 Garou (incluindo o Jon) contra 10 Fomoris (incluindo a bruxa).


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Sex 6 Set 2013 - 13:49

Presa de Sangue

Presa de Sangue segue juntamente com seus outros companheiros de matilha até a seita Fianna e quando sentem a energia próximo do Caern uivam para se apresentarem. Logo uma matilha de lobos de pelos ruivos chega próximo a eles e o alfa que tem a testa ungida pelo símbolo do Cervo muda para forma hispo e lhes fala...

??? - Saudações irmãos. Este é o Caern do Cervo, guiado pela seita  Planícies Alvas de Alban. Sou Garra Avassaladora, filho de Dana e Alfa da matilha Canto Faérico, Ahroun Athro, nascido entre os lobos. Estão longe de seu território de caça irmãos, venham pegar um pouco de alimento e contem qual é sua jornada.

Presa de sangue percebe que o Athro é uma figura imponente e possui algumas cicatrizes que não deixam dúvidas de seu valor em batalha. Em outras situações ou até em outras tribos talvez a matilha não fosse recebida de forma tão tranquila. O próprio Ahroun fala ao vigia e menciona o sangue puro de Presa de Sangue para deixá-lo junto com seus companheiros entrar no Caern. A energia do lugar recarrega a vontade de todos e mesmo o pesar que Presa carrega agora é um pouco abrandado.

Off - Não postei os rolamentos, se quiser depois posto os mesmos. considere levando uma pedra com entalhe do augúrio do Galliard, ela está pendurado no seu pescoço de forma discreta.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Natalie em Sex 6 Set 2013 - 16:16

Amora já estava morrendo de fome quando encontrou o homem-corvo.

Ele sabia que ela era fenrir e sabia o nome daquele lugar esquecido pelos deuses. Amora suprimiu seu mau humor e cansaço e falou:

- Pode me ajudar de algum jeito?


*Ações*
- Falas
"Pensamentos"
avatar
Natalie
Filhos de Gaia
Filhos de Gaia

Mensagens : 792
Data de inscrição : 15/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Klauss Krugger em Seg 9 Set 2013 - 16:51

LeoPrata escreveu:

???? - Matem todos.
Off: Junto com a matilha são 4 Garou (incluindo o Jon) contra 10 Fomoris (incluindo a bruxa).
*Jon não se mostra surpreso pela transformação de Connor, afinal se não era ele o alvo da bruxa quem mais seria a não ser o próprio Connor, jon sorri enquanto assume sua forma de batalha. A vantagem numérica do inimigo é evidente, o que deixa Jon extremamente animado, afinal sempre gostou de superar desvantagens *

Jon -- Que seja uma batalha magnifica...

*Jon olha de canto de olho para a matilha de Crina de Prata antes de realizar seu ataque.*

Ação: Gasto de 3 pontos de fúria, (se meu raciocínio está correto recuperei 3 neste turno e com o gasto atual ainda sobra 1 ponto), se esquivará dos ataques dos fomori para chegar até a bruxa, pegando-a pelo pescoço e vai estrangula-la.


Citação
Ação
Pensamento
Narração
Fala

"Leões e Tigres são fortes... mas lobos não trabalham em circo."

ficha Klauss Krugger
avatar
Klauss Krugger
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 2494
Data de inscrição : 18/04/2011
Idade : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Tony.Zefs em Seg 9 Set 2013 - 22:37

Uns lobos de pelagem ruiva aparecem para nos receber…


??? - Saudações irmãos. Este é o Caern do Cervo, guiado pela seita Planícies Alvas de Alban. Sou Garra Avassaladora, filho de Dana e Alfa da matilha Canto Faérico, Ahroun Athro, nascido entre os lobos. Estão longe de seu território de caça irmãos, venham pegar um pouco de alimento e contem qual é sua jornada.

Me apresento de forma firme, porem respeitando o território deles.

”Sou Presa de Sangue, Filho de Sombra Vermelha, Arhoun e Nascido entre os Lobos e entre os Garras Vermelhas. Viemos de longe! Ficaríamos honrados em estar com vocês. Deixarei meus companheiros se apresentarem.

Assim que nos apresentamos, somos levados para o Caern. Percebo que o Athro é um lobo acostumado a batalhas e deve desempenhar um papel importante na Seita.

No Caern procuro repor as energias e conversar com Garra Avassaladora sobre a minha viagem.

Talvez ele possa me indicar algum batedor…


Narração
Minha Fala
Pensamento


                                                                                                         

Neal Schmitt -  Domador de Aranhas - Andarilho do Asfalto - Hominideo - Ragabash

Presa de Sangue - Garra Vermelha - Lupino - Arhoun

Oliver Queen - Parente Fianna - Socio da Alpha Moon
avatar
Tony.Zefs
Moderador
Moderador

Mensagens : 540
Data de inscrição : 25/09/2012
Idade : 29
Localização : Casa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Sex 13 Set 2013 - 17:08

Amora

A fenris pede ajuda ao corvo que lhe responde prontamente...

Corvo - Vim para isso, você deve me seguir. Aqui perto tem um local sagrado de vocês Garou.

Amora entende que existe um Caern ali perto, sua desconfiança é nata nesse momento, porém, ela não tem muitas opções e do jeito que está vai acabar ficando doente ou tendo um acesso de raiva devido à fome. O Corvo voa para fora da estrada indo em direção a relva fria, a medida que avançam a paisagem vai ficando mais rochosa e o faro de Amora consegue captar água, já era um bom sinal. Logo um uivo manda ela e seu guia pararem...

??? - Não avancem mais ou serão mortos.

Amora não vê mais sente que está cercada, logo vê um homem vestido com peles de animais, seu cabelo é ruivo e ele tem uma barba fechada da mesma cor dos cabelos. Seus olhos são claros e seu porte é esguio, ele está com um tipo de lança feita de osso de algum animal. O Corvo se apressa e diz...

??? - Ela é uma de vocês, sou o Guia Sombrio de Dhuram, o ancião filho de Merlim, Apaga Rastros me conhece.

Amora apenas escuta a conversa e vê que o homem ruivo faz um gesto com as mãos e outros 4 homens surgem (todos tem cabelos mal cuidados, loiros ou ruivos e porte esguio, parecem caçadores primitivos)...

??? - Venham comigo e não tentem nada, achei que não teríamos mais visitas.

Amora apenas pensa em pedir provisões e água para sua jornada e quem sabe um pouco de descanso antes de partir. Quem sabe poderá até convencer o corvo a ser seu guia.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Sex 13 Set 2013 - 17:09

Presa de Sangue

O jovem Garra se apresenta e começa a falar com Garra Avassaladora, é oferecido à matilha carne de ovelha e água pura para se saciarem. O nome dito por Presa de Sangue intriga o Athro Fianna que fala...

Garra Avassaladora - Já escutei o nome de seu pai pelas terras depois destas montanhas, mais isto faz algumas Luas. Depois que o mal andou por lá poucas notícias tivemos dos nossos irmãos. 

A fala do Athro é bastante pesarosa e deixa Presa um tanto preocupado, porém, finalmente acabou encontrando no lugar menos provável uma pista de seu pai. Um guia será cedido para que Presa e sua matilha cheguem em seu destino, trata-se de um lupino, parente de um dos membros da matilha de Garra Avassaladora. Os Garras Vermelhas poderam descansar se quiserem até prosseguir viagem e cada vez o dia fica mais interessante, ao que parece mais alguém de fora da seita acaba de chegar.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Sex 13 Set 2013 - 18:21

Jon White

Iniciativa Garous:
Jon rolou 4D10 para iniciativa, Obtendo: 2-8-10-5 [Diff: 6]. Resultado: 2 Sucessos
Crina de Prata gastou 1 de Gnose para ativar Espírito de Batalha
Veu de Luna rolou 7D10 para iniciativa, Obtendo: 9-3-2-8-7-5-2 [Diff: 6]. Resultado: 3 Sucessos
Raio Invisível rolou 5D10 para iniciativa, Obtendo: 6-5-2-10-5 [Diff: 6].Resultado: 2 Sucessos

Iniciativa Fomoris:
Fomor1 rolou 2D10 para iniciativa, Obtendo: 4-9 [Diff]. Resultado: 1 Sucesso
Fomor2 rolou 5D10 para iniciativa, Obtendo: 6-5-5-1-2 [Diff: 6]. Resultado: Falha
Fomor3 rolou 5D10 para iniciativa, Obtendo: 2-7-1-4-9 [Diff: 6]. Resultado: 1 Sucesso
Fomor4 rolou 4D10 para iniciativa, Obtendo: 2-5-8-8 [Diff: 6]. Resultado: 2 Sucessos
Fomor5 rolou 6D10 para iniciativa, Obtendo: 8-2-7-7-9-6 [Diff: 6]. Resultado: 5 Sucessos
Fomor6 rolou 1D10 para iniciativa, Obtendo: 6 [Diff: 6]. Resultado: 1 Sucesso
Fomor7 rolou 1D10 para iniciativa, Obtendo: 4 [Diff: 6]. Resultado: 0 Sucessos
Fomor8 rolou 3D10 para iniciativa, Obtendo: 6-8-5 [Diff: 6]. Resultado: 2 sucessos
Fomor9 rolou 2D10 para iniciativa, Obtendo: 2-1 [Diff: 6]. Resultado: Falha Crítica
Bruxa ????

Jon e os membros da matilha são ligeiros e rapidamente tomam suas posições. Crina de Prata ataca primeiro um dos Fomoris que estava armado com Prata, tratava-se de uma lança com a ponta de prata. Os outros vão atrás dos inimigos mais próximos. Jon passa pelos Fomoris, leva um golpe de um deles com um facão, porém, o mesmo não lhe causa nada. Um dos Fomoris é que acabou levando a pior e errou o ataque a Jon e ainda foi ferido por seu colega. Logo o Presa de Prata chega na figura da mulher que havia sumido ao chegar na aldeia e com mãos firmes Jon a segura pelo pescoço. No primeiro momento a força do Garou faz ela perder o ar e fazer cara de dor, porém, seu sorriso diabólico logo toma seus lábios e Jon sente suas mãos queimarem como se estivessem tocando em fogo...

Combate:
Jon rolou 6D10 para Estrangulamento, Obtendo: 2-6-9-4-7-10 [Diff: 6].
Resultado: 4 Sucessos

Bruxa gastou 2 pontos de Quintessência e rolou 4(Arete) + 4(Life) para efeito Little Good Death, Obtendo: 8-8-2-6-3-10-5-7 [Diff: 7] Resultado: 4 Sucessos. Total: 6 de dano (2 Turnos Concentrando).

Jon rolou 7D10 para Vigor, Obtendo: 10-7-7-9-1-3-5 [Diff: 8]. Resultado: 2 Sucessos

Jon retira as mãos rapidamente da maldita, seu pêlo foi queimado e mesmo sua pele grossa na forma de batalha está cheia de bolhas devido ao que fez a bruxa. Jon sente que não tem a menor noção com o que está lidando.

ficha Jon:
Nome do Personagem: Jon White

Nome Garou: Garras da Justiça
Nome do Jogador: Klauss

Raça: Hominideo
Augúrio: Filodox
Tribo: Presa de Prata

Natureza: Juiz
Comportamento: Celebrante
Conceito: Juiz

Características
Idade: 16
Nacionalidade: Britanico
Cabelos: Brancos
Raça: Branca
Olhos: Azuis
Sexo: Masculino

Descrição:

.......................Altura:........................................... Peso:
Hominídeo:.......1,80m........................................... 80 kg
Glabro:.............1,85m.......................................... . 110 kg 1*
Crinos:.............2,85 m........................................... 350kg 2*
Hispo:.............. 1,70 m............................................340 kg 3*
Lupus:.............0,75m............................................. 35kg 4*

Atributos - Físicos 7

- Força: 2
- Destreza: 5 (agilidade, reflexos felinos) (comprado com bônus)
- Vigor: 4 (robustez)

Atributos - Sociais 5

- Carisma: 1
- Manipulação: 4 (lingua afiada)
- Aparência: 3

Atributos - Mentais 3

- Percepção: 2
- Inteligência: 2
- Raciocínio: 2

Habilidades (13-9-5 qualquer ordem, favor definir qual usou em cada um para facilitar nas contas.)

Talentos 13

Prontidão: 2
Esportes:1 
Briga: 3
Esquiva: 4 (1com bonus) esquivar-se
Empatia: 2
Interpretação:
Intimidação:
Inst. Primitivo: 2
Crime:
Lábia:

Perícias 9

Empatia c/Animais:
Arqueirismo:
Artesanato: 
Protocolo: 1
Liderança:1
Armas Brancas: 4 (1 com bonus) (tecnicas de klaive aprendidas com Vougan)
Atuação: 
Cavalgar:
Furtividade:1
Sobrevivência: 3

Conhecimentos

Acadêmicos: 1
Enigmas:
Investigação: 1
Direito:
Linguística:
Medicina:
Ocultismo: 1
Política:
Rituais: 2
Ciência:


Antecedentes (5 pontos)
Raça Pura 5
Rituais 2

Detalhes sobre Antecedentes: 
Filho bastardo de uma das linhagens que se tornaria uma das mais importantes da nação Garou.
Rituais aprendidos com Vougan

Dons: 3 Dons de Nível 1 

- Tribo = Verdade de Gaia
- Raça = Momentos Roubados
- Augúrio = Resistencia a Dor


Rituais:
Pedra Caçadora
Dedicação a um talismã

Manobra Especial: 
Ação Evasiva (briga)
Desarme (armas brancas)


FÚRIA: 7
GNOSE: 3
FORÇA DE VONTADE: 7
POSTO: 1 


RENOME
- Glória Permanente:
- Honra Permanente: 3
- Sabedoria Permanente:

RENOME
- Glória Temporário:
- Honra Temporário: 1
- Sabedoria Temporário:


Vantagem de tribo:
Direito Inato
Por causa do papel tradicional dele como um líder e chefe, um Presas de Prata tem as dificuldades sociais diminuídas em 1 entre outros Garous e Parentes. Também por causa do papel tradicional dele como um líder e chefe, um Presas de Prata pode retestar mais uma vez qualquer Desafio Social gastando 1 de Força de Vontade, o melhor resultado é que conta. 


Fraqueza Tribal:
Arrogância de Senhores 

Precisam fazer testes de frenesi quando sua autoridade é questionada. Os Presas de Prata foram os líderes da Nação Garou desde tempos imemoriáveis. Eles sabem com toda certeza que serem líderes é seu direito nato. Se alguém for imprudente o suficiente para questionar isso, do seu ponto de vista isso não será nada menos que uma blasfêmia contra os planos de Gaia.



Qualidades / Defeitos (Coloque eles separados e com a descrição em spoiler e em letras negras)
Caçado (Defeito: 3 pontos)




Incapacidade de Mudar Parcialmente(Defeito: 1 ponto)




Excesso de Confiança: (1 ponto de Defeito)



Marca do Predador (Defeito: 2 pontos)




Equipamento e Bem Possuídos:
Roupas simples, capa em lã tingida de preto, espada bastarda
 

Vitalidade: OK OK -1 -1 -2 -2 -2 -5 Inc.

Bruxa vitalidade:
OK OK OK OK -1 -1 -1 -2 -2 -2 -2 -5 -5 Inc.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 8 de 10 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum