A Maldição de Mac-Dhurbam

Página 9 de 10 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Natalie em Seg 30 Set 2013 - 14:51

Amora não tinha escolha a não ser seguir o Corvo.

Ela conhecia algumas histórias dos Fenrires que elogiavam muito o povo corvo como grandes mensageiros e donos de uma sabedoria irônica. Se não estivesse com tanta sede e fome, ela gostaria de ouvir as histórias que ele com certeza tinha a contar. Mas naquele momento, só queria achar algo para saciar sua fome e sede.

A descrição dele de um lugar sagrado era uma clara referência a um caern. Amora prestou atenção ao caminho para tentar ver algum marco que determinasse a divisa do caern, que era o ponto onde ela deveria uivar para anunciar sua presença e pedir autorização para entrar no território daquela seita. Mas ela não viu nada e ouviu o uivo de advertência antes que pudesse se anunciar.

O Corvo citou alguns nomes para o sentinela, que Amora procurou gravar para o caso de ser útil mais tarde. O homem ruivo que parecia um bárbaro fez surgir outros quatro sentinelas, e Amora sabia que lutar não seria uma opção ali.

Quando ele deu ordem para que o seguissem, Amora caminhou com a cabeça erguida com orgulho. Aqueles bárbaros podiam estar em seu território, mas ela era uma fenrir e não seria intimidada. Nem mesmo quando estivesse em desvantagem numérica e cansada e sedenta.



*Ações*
- Falas
"Pensamentos"
avatar
Natalie
Filhos de Gaia
Filhos de Gaia

Mensagens : 792
Data de inscrição : 15/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Klauss Krugger em Seg 30 Set 2013 - 17:09

LeoPrata escreveu:
Jon e os membros da matilha são ligeiros e rapidamente tomam suas posições. Crina de Prata ataca primeiro um dos Fomoris que estava armado com Prata, tratava-se de uma lança com a ponta de prata. Os outros vão atrás dos inimigos mais próximos. Jon passa pelos Fomoris, leva um golpe de um deles com um facão, porém, o mesmo não lhe causa nada. Um dos Fomoris é que acabou levando a pior e errou o ataque a Jon e ainda foi ferido por seu colega. Logo o Presa de Prata chega na figura da mulher que havia sumido ao chegar na aldeia e com mãos firmes Jon a segura pelo pescoço. No primeiro momento a força do Garou faz ela perder o ar e fazer cara de dor, porém, seu sorriso diabólico logo toma seus lábios e Jon sente suas mãos queimarem como se estivessem tocando em fogo...

Jon retira as mãos rapidamente da maldita, seu pêlo foi queimado e mesmo sua pele grossa na forma de batalha está cheia de bolhas devido ao que fez a bruxa. Jon sente que não tem a menor noção com o que está lidando.

*Jon inconcientemente solta a garganta da bruxa e se afasta alguns passos da bruxa e Ativa o Dom Resistência a Dor*

(Preciso ganhar algum tempo)

*Jon olha sobre o ombro para obsevar rapidamente o combate que acontece em suas costas, olha para suas mãos e então volta-se para a bruxa.*

Jon -- Por que tudo isso??? O que ganhas com está luta???

Off.: Se necessário gasto força de vontade para falar na forma crinos


Citação
Ação
Pensamento
Narração
Fala

"Leões e Tigres são fortes... mas lobos não trabalham em circo."

ficha Klauss Krugger
avatar
Klauss Krugger
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 2494
Data de inscrição : 18/04/2011
Idade : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Tony.Zefs em Seg 30 Set 2013 - 17:45

Após termos comido e bebido, o Athro fala que já ouviu o nome de meu pai nas terras após as montanhas, porem o mal está no local.
”Ao menos sei que o seu nome ainda é lembrado e ouvido, preciso me apressar, talvez o mesmo esteja em perigo
Ouço o que o Lupino tem a falar e respondo.
”Obrigado pela informação, estamos nos dirigindo para lá... Precisamos saber o que é esse mal e como combate­lo...
Um guia nos é oferecido, decido ficar um dia na seita, afim de poder ouvir as historia sobre os ocorridos no local e estarmos mais preparados para a missão.
”Garra, vou ficar por aqui durante uma lua, conte­me o que sabe sobre o Mal que está alem dessas montanhas. Quanto mais souber, melhor poderei combate­lo.
Enquanto escuto as historias, noto uma movimentação no Caern e percebo que está chegando mais um visitante a Seita. Vou até o local onde o mesmo está.


Narração
Minha Fala
Pensamento


                                                                                                         

Neal Schmitt -  Domador de Aranhas - Andarilho do Asfalto - Hominideo - Ragabash

Presa de Sangue - Garra Vermelha - Lupino - Arhoun

Oliver Queen - Parente Fianna - Socio da Alpha Moon
avatar
Tony.Zefs
Moderador
Moderador

Mensagens : 540
Data de inscrição : 25/09/2012
Idade : 29
Localização : Casa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Qua 2 Out 2013 - 15:18

Amora
A jovem Fenris adentra o território dos Fianna e sente a força do Caern assim que cruza sua divisa, aquele local é forte é ela sente em seu coração uma ponta de felicidade de estar ali. Logo grandes lobos se aproximam, um deles parece ser o mais velho e tem pêlos em um tom castanho avermelhado, os outros tem pêlos vermelhos com salpicados brancos, chama atenção um deles que tem sua pelugem pura e mantém uma postura nobre. O lobo Alfa então muda para forma humana e fala...
??? - Este é o Caern do Cervo, guiado pela seita  Planícies Alvas de Alban. Sou Garra Avassaladora, filho de Dana e Alfa da matilha Canto Faérico, Ahroun Athro, nascido entre os lobos, diga-me quem é, pois, este corvo trapaceiro conheço bem e não confio nem pouco. Saiba que se fores verdeira poderás comer, beber e contar sua história essa noite.
As palavras do Athro são firmes e sua franqueza é de se admirar, Amora pode conseguir provisões e ajuda em sua jornada se souber utilizar as palavras certas.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Qua 2 Out 2013 - 15:19

Presa de Sangue

Presa segue o Athro até o local onde o Vigia do Caern deu o uivo de alerta, chegando até o local um corvo e uma mulher duas pernas são avistados. A primeira vista Presa pensou que seria problema sério, mais logo seu faro pode perceber que ela tinha cheiro de lobos, deveria ser uma parente no mínimo. O Corvo logo depois se apresentou e conhecia um dos anciões do Caern e disse que a mulher era igual à eles, ou seja, uma Garou. Quando Presa se aproximou mais junto com sua matilha pode perceber o porte nobre da jovem apesar de sua aprência cansada e frágil, Garra Avassaladora parece inclinado a oferecer abrigo para a jovem e Presa pode ouvir mais também o que ela venha a dizer e quem sabe lhe seja útil.
Off: Você poderá interagir com a personagem da Natalie se quiser


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Qua 2 Out 2013 - 15:37

Jon White

Off: Gasto 1 ponto de Força de Vontade para falar em crinos. As iniciativas dos Npcs serão mantidas.

Jon olha por sobre os ombros o campo de batalha que deixará para os membros da matilha de Crina de Prata e vê que o número de Fomoris caiu bastante, pelo menos isso está a favor deles. Com sua retaguarda menos povoada ele foca na bruxa e fala...

Jon -- Por que tudo isso??? O que ganhas com está luta???
Bruxa - Corpora antiquam copiae terra, et factis destruere vitam aeternam vocatio occursum meum inquisitoribus.

Spoiler:
Bruxa gastou 3 pontos de Quintessência e rolou 10d10 para efeito Stone Servant, Obtendo: 5-7-10-8-9-1-6-5-6-4 [Diff]. Resultado: 6 Sucessos - Sucesso Absoluto.

Jon não entende absolutamente nada do que aquele ser maléfico disse, entretanto, vê uma criatura bizarra saindo da terra e ficando entre ele e a bruxa. Neste momento ele escuta...
Bruxa - Nesta luta não ganharei e nem perderei nada. Mais todos os que trabalham como eu ganharam no final a danação do mundo degenerado e a criação de um lugar melhor.
As palavras são um insulto a vida e um deleite para Wyrm, Jon não sabe o que poderá fazer para derrotar seu inimigo e nem quem são estes outros? Seriam como ela ou mais criaturas estariam sendo seduzidas a fazer o mal?

Ficha Jon white:
Nome do Personagem: Jon White

Nome Garou: Garras da Justiça
Nome do Jogador: Klauss

Raça: Hominideo
Augúrio: Filodox
Tribo: Presa de Prata

Natureza: Juiz
Comportamento: Celebrante
Conceito: Juiz

Características
Idade: 16
Nacionalidade: Britanico
Cabelos: Brancos
Raça: Branca
Olhos: Azuis
Sexo: Masculino

Descrição:

.......................Altura:........................................... Peso:
Hominídeo:.......1,80m........................................... 80 kg
Glabro:.............1,85m.......................................... . 110 kg 1*
Crinos:.............2,85 m........................................... 350kg 2*
Hispo:.............. 1,70 m............................................340 kg 3*
Lupus:.............0,75m............................................. 35kg 4*

Atributos - Físicos 7

- Força: 2
- Destreza: 5 (agilidade, reflexos felinos) (comprado com bônus)
- Vigor: 4 (robustez)

Atributos - Sociais 5

- Carisma: 1
- Manipulação: 4 (lingua afiada)
- Aparência: 3

Atributos - Mentais 3

- Percepção: 2
- Inteligência: 2
- Raciocínio: 2

Habilidades (13-9-5 qualquer ordem, favor definir qual usou em cada um para facilitar nas contas.)

Talentos 13

Prontidão: 2
Esportes:1 
Briga: 3
Esquiva: 4 (1com bonus) esquivar-se
Empatia: 2
Interpretação:
Intimidação:
Inst. Primitivo: 2
Crime:
Lábia:

Perícias 9

Empatia c/Animais:
Arqueirismo:
Artesanato: 
Protocolo: 1
Liderança:1
Armas Brancas: 4 (1 com bonus) (tecnicas de klaive aprendidas com Vougan)
Atuação: 
Cavalgar:
Furtividade:1
Sobrevivência: 3

Conhecimentos

Acadêmicos: 1
Enigmas:
Investigação: 1
Direito:
Linguística:
Medicina:
Ocultismo: 1
Política:
Rituais: 2
Ciência:


Antecedentes (5 pontos)
Raça Pura 5
Rituais 2

Detalhes sobre Antecedentes: 
Filho bastardo de uma das linhagens que se tornaria uma das mais importantes da nação Garou.
Rituais aprendidos com Vougan

Dons: 3 Dons de Nível 1 

- Tribo = Verdade de Gaia
- Raça = Momentos Roubados
- Augúrio = Resistencia a Dor


Rituais:
Pedra Caçadora
Dedicação a um talismã

Manobra Especial: 
Ação Evasiva (briga)
Desarme (armas brancas)


FÚRIA: 7
GNOSE: 3
FORÇA DE VONTADE: 7
POSTO: 1 


RENOME
- Glória Permanente:
- Honra Permanente: 3
- Sabedoria Permanente:

RENOME
- Glória Temporário:
- Honra Temporário: 1
- Sabedoria Temporário:


Vantagem de tribo:
Direito Inato
Por causa do papel tradicional dele como um líder e chefe, um Presas de Prata tem as dificuldades sociais diminuídas em 1 entre outros Garous e Parentes. Também por causa do papel tradicional dele como um líder e chefe, um Presas de Prata pode retestar mais uma vez qualquer Desafio Social gastando 1 de Força de Vontade, o melhor resultado é que conta. 


Fraqueza Tribal:
Arrogância de Senhores 

Precisam fazer testes de frenesi quando sua autoridade é questionada. Os Presas de Prata foram os líderes da Nação Garou desde tempos imemoriáveis. Eles sabem com toda certeza que serem líderes é seu direito nato. Se alguém for imprudente o suficiente para questionar isso, do seu ponto de vista isso não será nada menos que uma blasfêmia contra os planos de Gaia.



Qualidades / Defeitos (Coloque eles separados e com a descrição em spoiler e em letras negras)
Caçado (Defeito: 3 pontos)




Incapacidade de Mudar Parcialmente(Defeito: 1 ponto)




Excesso de Confiança: (1 ponto de Defeito)



Marca do Predador (Defeito: 2 pontos)




Equipamento e Bem Possuídos:
Roupas simples, capa em lã tingida de preto, espada bastarda
 

Vitalidade: OK OK -1 -1 -2 -2 -2 -5 Inc.

Bruxa Vitalidade:
OK OK OK OK -1 -1 -1 -2 -2 -2 -2 -5 -5 Inc.

Criatura de Pedra:
Força: 3 Destreza: 3 Vigor: 3 / Socias: 0 / Percepção: 3 Inteligência: 3 Raciocínio: 3 / Prontidão: 2 Briga: 2 Esquiva: 2 Empatia: 1 Intimidação: 3/ Soco: F+1 Ataque em Carga: F + 3/ Vitalidade: OK OK OK -1 -1 -1 -2 -2 -2 -5 Inc.


Última edição por LeoPrata em Qui 3 Out 2013 - 13:31, editado 1 vez(es)


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Natalie em Qua 2 Out 2013 - 17:10

Amora fez uma deferência para Garra Avassaladora e voltou à forma humana.

- Saudações, athro-rhya! Meu nome é Amora Deschamps, Brava Canção de Batalha de Fenris, galliard cliath. Fui enviada por Odor de Espíritos dos Fenrires para transmitir uma mensagem de batalha aos Garras Vermelhas ao sul. Solicito sua permissão para me refazer em seu território e depois atravessá-lo rumo ao meu destino.

A fenrir reconheceu a raça pura do fianna, mas mesmo assim não se intimidou e se mantinha altiva diante daquela seita fianna. Mesmo eles deveriam respeitar sua força e coragem.


*Ações*
- Falas
"Pensamentos"
avatar
Natalie
Filhos de Gaia
Filhos de Gaia

Mensagens : 792
Data de inscrição : 15/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Tony.Zefs em Qua 2 Out 2013 - 20:33

Acompanho o Athro ao local que o vigia anunciou a chegada de mais visitantes...

Vejo um Corax e uma macaca... Os pelos a minhas costas se levantam em alerta, porém sinto o cheiro de lobos vindo da mulher e relaxo.

Acompanho as apresentações, por não ser membro da seita, apenas acompanho as apresentações, posso sentir que a fêmea possui um sangue puro dos lobos e apesar de parecer cansada e fraca, mantém um porte rígido.

Ouço a fêmea se apresentar... Logo suas palavras chamam a minha atenção.

Me encaminho a frente me colocando ao lado de Garra Avassaladora. Ao perecer que tenho a sua permissão para falar. Uso de meu porte e do meu sangue puro para chamar a atenção da fêmea.

"Sou Presa de Sangue, filho de Sombra Vermelha, Arhoun dos Garras Vermelhas... E estes são meus companheiros. Viemos das terras ao Sul, nos dirigíamos para além das montanhas, para investigar e combater o mal que aflora pelas terras. Venha, vamos saciar a sede e a fome... Conte-me, que mensagem carrega aos meus..."

Acompanho a humana e o athro ao local de descanso e aguardo as suas palavras...


Narração
Minha Fala
Pensamento


                                                                                                         

Neal Schmitt -  Domador de Aranhas - Andarilho do Asfalto - Hominideo - Ragabash

Presa de Sangue - Garra Vermelha - Lupino - Arhoun

Oliver Queen - Parente Fianna - Socio da Alpha Moon
avatar
Tony.Zefs
Moderador
Moderador

Mensagens : 540
Data de inscrição : 25/09/2012
Idade : 29
Localização : Casa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Klauss Krugger em Qui 3 Out 2013 - 16:52

LeoPrata escreveu:

Bruxa - Corpora antiquam copiae terra, et factis destruere vitam aeternam vocatio occursum meum inquisitoribus.


Jon não entende absolutamente nada do que aquele ser maléfico disse, entretanto, vê uma criatura bizarra saindo da terra e ficando entre ele e a bruxa. Neste momento ele escuta...
Bruxa - Nesta luta não ganharei e nem perderei nada. Mais todos os que trabalham como eu ganharam no final a danação do mundo degenerado e a criação de um lugar melhor.
As palavras são um insulto a vida e um deleite para Wyrm, Jon não sabe o que poderá fazer para derrotar seu inimigo e nem quem são estes outros? Seriam como ela ou mais criaturas estariam sendo seduzidas a fazer o mal?
*Jon percebe que sua tentativa de ganhar tempo surtiu algum efeito, não como desejava, mas a matilha estava em vantagem contra os fomori, então se mantivesse a bruxa focada nele as chances de vitória da matilha aumentariam muito, e sem dizer uma palavra mesmo após o insulto da bruxa resolve tentar uma estratégia no minimo estranha, pois se a bruxa precisava falar para conjurar suas magias se ela estivesse ocupada gritando de dor não poderia conjurar magia alguma.*

Ação: Gasto 2 Pontos de fúria (restando apenas 1 pelos meus cálculos), com a ação normal do turno esquivo da criatura de pedra, me aproximando da bruxa, a seguro pela perna e uso a bruxa para atacar a criatura de pedra (1 ou 2 vezes dependendo da distância que fiquei da criatura)


Citação
Ação
Pensamento
Narração
Fala

"Leões e Tigres são fortes... mas lobos não trabalham em circo."

ficha Klauss Krugger
avatar
Klauss Krugger
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 2494
Data de inscrição : 18/04/2011
Idade : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Sex 4 Out 2013 - 13:51

Amora - Presa de Sangue

Garra Avassaladora escutou o jovem Garra perdir para Fenrir contar qual a mensagem que ela tinha, ficou olhando fixo para ambos, afinal os Fenrir não costumam rumar para baixo da Scottish Border e os Garras não tinham muito costume de peregrinar para fora de seus protetorados...
Garra Avassaladora - Venham os dois, além do que possam dizer um para o outro devem me contar a situação, ficamos esperando demais as notícias do Norte e pouco agimos até agora.
O olhar do Athro é atento e de acordo com o que for dito os jovens podem ter uma ajuda preciosa. Presa e Amora são levados até uma área próxima ao centro do Caern, uma grande fogueira está iluminando todo o lugar, o cheiro de carne crua e também sendo cozida na fogueira aguça os sentidos de ambos, em especial da Fenrir que está faminta. Comida e bebida são oferecidos e o clima no Caern é bem agradável até a hora que o Athro volta de outra área do Caern com outros 2 membros. Ambos estão em suas formas naturais, sendo o primeiro na forma lupina e o outro na forma hominídea. O lobo trata-se de uma fêmea já com certa idade, enquanto o hominídeo trata-se de um homem de meia idade, com uma grande barba avermelhada e cicatrizes pelo rostro e corpo...
Garra Avassaladora - Nossos anciões irão falar e depois os jovens convidados contaram suas histórias para nós.

Tara Voz de Yr Alban - Os hominídeos me chama de Tara, os lupinos me chamam pelo nome dado pelos espíritos, Voz da Terra de Alban (Yr Alban). Nasci entre os lobos e sobre as benças da Meia Lua e nesta noite em que a lua começa a favorecer os guerreiros, seu brilho me apontará a verdade e os filhos desta seita irão agir se Gaia assim desejar.

Mardorix Coração Temerário - Nasci entre os homens, Ahroun Ancião, Mardorix Coração Temerário, bebam e falem jovens, se sua causa for nobre também será a nossa causa.

Um silêncio impera e todos esperam Amora e Presa de Sangue falarem


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Sex 4 Out 2013 - 14:46

Jon White

Iniciativa:
Jon agirá por último, declarando esquiva.
Bruxa rolou 5D10 para iniciativa, Obtendo: 1-10-10-3-9 [Diff:6]. Resultado: 2 Sucessos
Criatura rolou 5d10 para iniciativa, Obtendo: 8-2-6-5-7 [Diff:6]. Resultado: 3 Sucessos

Jon tem a intenção de desviar da criatura para ir até a Bruxa, mais a mesma começa a se afastar de onde ele está, sempre olhando fixo para o Garou e sorrindo malignamente. Já o ser de pedra conjurado irá investir contra Jon com um soco...
Combate:
Criatura rolou 5d10 para ataque, Obtendo: 7-2-2-7-6 [Diff:6]. Resultado: 3 Sucessos
Jon rolou 10D10 para esquiva, Obtendo: 4-7-2-5-9-7-10-7-6-2 [Diff:8]. Resultado: 2 Sucessos + Especialização: 5. Total: 2 Sucessos
Criatura rolou 4D10 para Dano, Obtendo: 7-6-6-1 [Diff:6]. Resultado: 3 Sucessos
Jon rolou 7D10 para Absorção, Obtendo: 5-10-4-5-2-7-3 [Diff:8]. Resultado: 1 Sucesso.

Jon sabe que a criatura tem tudo para ser mais lenta, porém, sente algo deixando seu corpo lento e pesado, talvez uma força maléfica retendo seus movimentos. A criatura acerta um golpe em Jon, mais este consegue mesmo depois de acertado passar pela criatura. Usando de seu lobo interior Jon consegue chegar até a bruxa e a agarra sem muitos problemas, entretanto, a mesma está longe da criatura e sua única alternativa é investir contra uma árvore...
Combate:
Jon rolou 6D10 para ataque, Obtendo: 8-5-3-10-7-6 [Diff:8]. Resultado: 2 Sucessos
Jon rolou 7D10 para dano, Obtendo: 1-10-5-6-9-8-1 [Diff:8]. Resultado: 3 Sucessos

Jon mesmo sendo prejudicado por algo sobrenatural consegue investir a bruxa contra uma árvore. Mesmo não tendo aplicado toda sua força o golpe abre um corte profundo na cabeça da maldita. Jon percebe que sua face fica mais perversa e seus olhos viram duas esferas negras. É possível sentir uma energia negra envolvendo ambos.

Off: No próximo post serão roladas a sua iniciativa e a da bruxa.


Jon White:
Nome do Personagem: Jon White

Nome Garou: Garras da Justiça
Nome do Jogador: Klauss

Raça: Hominideo
Augúrio: Filodox
Tribo: Presa de Prata

Natureza: Juiz
Comportamento: Celebrante
Conceito: Juiz

Características
Idade: 16
Nacionalidade: Britanico
Cabelos: Brancos
Raça: Branca
Olhos: Azuis
Sexo: Masculino

Descrição:

.......................Altura:........................................... Peso:
Hominídeo:.......1,80m........................................... 80 kg
Glabro:.............1,85m.......................................... . 110 kg 1*
Crinos:.............2,85 m........................................... 350kg 2*
Hispo:.............. 1,70 m............................................340 kg 3*
Lupus:.............0,75m............................................. 35kg 4*

Atributos - Físicos 7

- Força: 2
- Destreza: 5 (agilidade, reflexos felinos) (comprado com bônus)
- Vigor: 4 (robustez)

Atributos - Sociais 5

- Carisma: 1
- Manipulação: 4 (lingua afiada)
- Aparência: 3

Atributos - Mentais 3

- Percepção: 2
- Inteligência: 2
- Raciocínio: 2

Habilidades (13-9-5 qualquer ordem, favor definir qual usou em cada um para facilitar nas contas.)

Talentos 13

Prontidão: 2
Esportes:1 
Briga: 3
Esquiva: 4 (1com bonus) esquivar-se
Empatia: 2
Interpretação:
Intimidação:
Inst. Primitivo: 2
Crime:
Lábia:

Perícias 9

Empatia c/Animais:
Arqueirismo:
Artesanato: 
Protocolo: 1
Liderança:1
Armas Brancas: 4 (1 com bonus) (tecnicas de klaive aprendidas com Vougan)
Atuação: 
Cavalgar:
Furtividade:1
Sobrevivência: 3

Conhecimentos

Acadêmicos: 1
Enigmas:
Investigação: 1
Direito:
Linguística:
Medicina:
Ocultismo: 1
Política:
Rituais: 2
Ciência:


Antecedentes (5 pontos)
Raça Pura 5
Rituais 2

Detalhes sobre Antecedentes: 
Filho bastardo de uma das linhagens que se tornaria uma das mais importantes da nação Garou.
Rituais aprendidos com Vougan

Dons: 3 Dons de Nível 1 

- Tribo = Verdade de Gaia
- Raça = Momentos Roubados
- Augúrio = Resistencia a Dor


Rituais:
Pedra Caçadora
Dedicação a um talismã

Manobra Especial: 
Ação Evasiva (briga)
Desarme (armas brancas)


FÚRIA: 7
GNOSE: 3
FORÇA DE VONTADE: 7
POSTO: 1 


RENOME
- Glória Permanente:
- Honra Permanente: 3
- Sabedoria Permanente:

RENOME
- Glória Temporário:
- Honra Temporário: 1
- Sabedoria Temporário:


Vantagem de tribo:
Direito Inato
Por causa do papel tradicional dele como um líder e chefe, um Presas de Prata tem as dificuldades sociais diminuídas em 1 entre outros Garous e Parentes. Também por causa do papel tradicional dele como um líder e chefe, um Presas de Prata pode retestar mais uma vez qualquer Desafio Social gastando 1 de Força de Vontade, o melhor resultado é que conta. 


Fraqueza Tribal:
Arrogância de Senhores 

Precisam fazer testes de frenesi quando sua autoridade é questionada. Os Presas de Prata foram os líderes da Nação Garou desde tempos imemoriáveis. Eles sabem com toda certeza que serem líderes é seu direito nato. Se alguém for imprudente o suficiente para questionar isso, do seu ponto de vista isso não será nada menos que uma blasfêmia contra os planos de Gaia.



Qualidades / Defeitos (Coloque eles separados e com a descrição em spoiler e em letras negras)
Caçado (Defeito: 3 pontos)




Incapacidade de Mudar Parcialmente(Defeito: 1 ponto)




Excesso de Confiança: (1 ponto de Defeito)



Marca do Predador (Defeito: 2 pontos)




Equipamento e Bem Possuídos:
Roupas simples, capa em lã tingida de preto, espada bastarda
 

Vitalidade: OK OK -1 -1 -2 -2 -2 -5 Inc.

Buxa Vitalidade:
OK OK OK OK -1 -1 -1 -2 -2 -2 -2 -5 -5 Inc.

Criatura de Pedra:
Força: 3 Destreza: 3 Vigor: 3 / Socias: 0 / Percepção: 3 Inteligência: 3 Raciocínio: 3 / Prontidão: 2 Briga: 2 Esquiva: 2 Empatia: 1 Intimidação: 3/ Soco: F+1 Ataque em Carga: F + 3/ Vitalidade: OK OK OK -1 -1 -1 -2 -2 -2 -5 Inc.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Natalie em Sex 4 Out 2013 - 15:00

Amora se surpreendeu em encontrar o alfa dos garras vermelhas ali. Isso deveria ser bom, já que poderia retornar ao norte mais rapidamente ainda. Mas os anfitriões fiannas ainda queriam demonstrar sua hospitalidade. Ela acompanhou eles e seguiu o cheiro de bebida e especialmente de comida que fez sua boca salivar.

Ela aceitou a cortesia dos fiannas e aproveitou para se recuperar. Foi quando o athro voltou com um casal de garous idosos que se apresentaram e inquiriram sobre a mensagem dela. Ela levantou-se e falou:

- Eu, Brava Canção de Batalha, galliard fenrir das terras ao sul, encontrei humanos guerreiros, chamados de cruzados, que perseguiam um assassino carniceiro. Do seu grupo de caça original, havia apenas quatro deles, mas seu líder, um humano determinado, estava decidido a continuar a caçada até as últimas consequências. Sua busca os levou até o meu território, e eu me prontifiquei a ajudá-los.

Ela falava com simplicidade para que mesmo os garras vermelhas entendessem os termos humanos que os outros estariam acostumados.

- Na busca, chegamos a um vilarejo que tinha sido atacado pelo carniceiro e encontramos apenas uma filhote humana que tinha sido molestada pelo monstro. Eu encontrei os rastros do assassino e parti sozinha em perseguição a ele. Encontreei À beira de uma lagoa que exalava forte cheiro da Wyrm. O próprio assassino era um impuro da tribo dos caídos, que se denominavam Dançarinos da Espiral Negra. Este impuroa estava sozinho e resistiu aos meus primeiros ataques, mostrando um couro resistente e infecto. Ele sabia não poder me vencer e invocou espíritos Malditos para auxiliá-lo. Antes que me atacassem, eu abocanhei a garganta do espiral negra e o cloquei entre mim e os Malditos, mas logo eles me atacavam de todos os lados. Me certifiquei de findar com a vida do espiral negra antes de ser tomada pelo frenesi e perder a consciência.

Amora tentou manter a compostura ao dizer isso, pois a derrota em batalha não era algo que orgulhasse o Grande Fenris. Mas ao menos ela caíra lutando contra um inimigo poderoso.

- Despertei numa região desconhecida e confrontei um fenrir, que me levou aos fenrires no norte. Eles estavam cercados e prestes a batalhar, e então me pediram para que ewu viesse ao sul avisar aos garras vermelhas que as terras ao norte continuavam perdidas. Eu corri rápido, na esperança de entregar a mensagem e ainda voltar para lutar. O grande esforço foi extenuante e eu não teria chegado a esta seita sem que o corax me ajudasse e me guiasse. mas agora estou pronta para retornar e lutar!


*Ações*
- Falas
"Pensamentos"
avatar
Natalie
Filhos de Gaia
Filhos de Gaia

Mensagens : 792
Data de inscrição : 15/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Alexyus em Sab 5 Out 2013 - 0:10

Adrien estava reticente quanto às notícias sobre a ocupação em Mac-Dhurbam. Ele temia que o Conde estivesse cometendo uma insensatez. Mas não podia recusar a convocação.

E também não podia ausentar-se de WestMore Land sem prévio aviso.

Assim decidido, Adrien foi falar com o sr. Essius Tuck e solicitar permissão para partir.
avatar
Alexyus
Presas de Prata
Presas de Prata

Mensagens : 1783
Data de inscrição : 14/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Tony.Zefs em Dom 6 Out 2013 - 20:13

O Athro acompanha a minha apresentação, e nos convida para nos banquetearmos e contarmos toda a historia.

Durante um tempo, aproveitamos da estadia. Após um tempo o Athro retorna de um outro local, acompanhado de outros 2 Garous, uma Loba e um Macaco.

Após se apresentarem como os Anciões do Caern, ele nos pedem que contemos a nossas historias.

Estou ansioso pelas noticias do Norte e aguardo que a Fenrir conte a sua historia. Acompanho a historia com atenção, pois se pretendo combater esse mal que aflora a região, preciso conhecer o seu risco.

Assim que a Fenrir termina a sua historia. Inicio o meu relato. Mantenho um olhar serio enquanto em liguagem de lobo conto a historia.

Uso de meu porte e sangue para passar uma sensação de autoridade, mesmo sendo um mero Cliath.

”Sou um Garra Vermelha puro, descendo dos primeiros Garous… Mesmo sendo um Cliath, não posso ser subestimado e ignorado...

”Sou Presa de Sangue, Filho de Sombra Vermelha, Arhoun dos Garras Vermelhas. Venho de terras distantes, em busca do paradeiro de meu pai. Estive na Seita Rocha Verde, onde um Mal se levantava devido a rituais de uns símios locais, com o auxilio de meus companheiros conseguimos derrota-los e salvar alguns parentes e um filhote, mesmo com a perda de um valoroso irmão. Choro dos Céus nos passou a missão de irmos as terras ao norte, pois os guerreiros de lá estão perdendo as batalhas e nada ainda foi feito. Fomos enviados para sabermos o que está de fato acontecendo e o que é esse mal que cresce e se alastra pelas terras. Logico, nossa missão inclui destruir esse mal. Paramos nessas terras para descansarmos e obtermos auxilio de nossos irmãos nativos dessa terra.

Assim que termino, me sento e observo a expressão dos irmãos envolta…


Narração
Minha Fala
Pensamento


                                                                                                         

Neal Schmitt -  Domador de Aranhas - Andarilho do Asfalto - Hominideo - Ragabash

Presa de Sangue - Garra Vermelha - Lupino - Arhoun

Oliver Queen - Parente Fianna - Socio da Alpha Moon
avatar
Tony.Zefs
Moderador
Moderador

Mensagens : 540
Data de inscrição : 25/09/2012
Idade : 29
Localização : Casa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Qua 9 Out 2013 - 12:35

Presa de Sangue - Amora

Os anciões Fianna escutam com atenção ao relato dos jovens e é nítido o seu pesar ao saber que a terra de seus aliados e ancestrais ao Norte está tomada pelo mal. As palavras de Presa de Sangue causam um certo desconforto, mais traz à tona uma verdade: os Finna realmente não tomaram um atitude mais drástica até o momento. O ancião Mardorix Coração Temerário toma a palavra e fala de forma simples e direta...
Mardorix Coração Temerário - Jovem Fenrir, seus irmãos tiveram prolemas com o povo Fianna em muitas Luas atrás na terra Esmeralda, mais aqui na fronteira com Alban são aliados e protetores das ilhas Órcades. Vamos honrar nossa aliança e responderemos a ameaça que se espalha sorrateira na terra de nossos ancetrais e aliados. A matilha dos Filhos de Dana irá se preparar para acompanhá-los, clamem por seu totem e se preparem.
A última parte da fala é direcionada para o Athro Garra Avassaladora, nem Presa de Sangue e nem Amora esperavam que seriam acompanhados por uma matilha composta por um Athro. O ancião continua...
Mardorix Coração Temerário - Garra Avassaladora levará alguns Cliath para esta missão, é arriscado mais algo importante para nossa tribo. Quanto a você jovem Garra, Choro dos Céus deve ter lhe falado que esperavam capturar algo grandioso nesse lugar que vocês atacaram, estou certo? Algumas luas ele já tinha pensado nesta estratégia e não queria que ninguém ajudasse, mais devo lhe dizer que seu povo, nossos irmão e aliados já falharam uma vez nessa empreitada, não por falta de força, mais o inimigo também está reforçado por suas corjas infectas. Seu pai se não me engano esteve na primeira missão, nas mesmas terras que agora está prestes a conehcer e combater o inimigo.
Presa de Sangue cada vez mais consegue informações sobre seu pai, enquanto Amora tem seu coração tomado pela euforia da batalha que está por vir.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Qua 9 Out 2013 - 12:38

Adrien Dilermando

Adrien foi à procura do senhor Tuck, afinal, ficaria ausente de suas funções de tutor. Entretanto, por se tratar de uma convocação do próprio Conde, Essius Tuck não demonstrou irritação...
Sr. Tuck - Sr. Dilermando, um pedido do Conde deve ser prontamente atendido, ainda mais para reunir o povo e lhe render terras e oportunidades. Mande minhas estimas ao nobre conde Jhonattan.
Um burocrata querendo subir no poder e tentando sempre "beijar os pés" dos mais influentes, assim era Essius Tuck e Adrien tinha esperança de mudar o filho dele para que agisse com mais personalidade. A viagem de onde Adrien está até Northumberland levará aproximados 4 dias em boa marcha, ele terá ainda 1 dia para descansar na cidade caso parta no raiar do próximo dia e por sorte do Filho de Gaia, um parente de seu povo de nome Mirvo Conrrey levará alguns ítens para comerciar em Northumberland e sairá em caravana no dia seguinte, talvez Adrien consiga sua ajuda e viaje na segurança do comboio.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Qua 9 Out 2013 - 12:39

Jon White

O Presa de Prata percebe que agora as coisas vão piorar, um arrepio gela sua espinha e é possível sentir uma energia sinistra vinda da bruxa...
iniciativa:
Jon rolou 2D10 para iniciativa, Obtendo: 5-2 [Diff:6]. Resultado: Falha

Bruxa rolou 4D10 para iniciativa, Obtendo: 9-5-6-5 [Diff:6]. Resultado: 2 Sucessos

Talvez pela energia sentida, Jon tenha ficado à espera dos acontecimentos.

Off: Preciso saber o que você irá fazer com respeito a criatura e se irá gastar algo em FDV ou fúria para uma ação desesperada.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Alexyus em Qua 9 Out 2013 - 13:30

Adrien agradeceu o sr. Tuck, mesmo sabendo que ele era um lambe-botas. Ainda pretendia manter relações amistosas com ele para ter a chance de instruir corretamente seu filho.

Ele poderia viajar mais rapidamente na forma lupina, mas isso não o agradava. ele preferia caminhar com os homens para ter a oportunidade de instruí-los. Nesse sentido, a caravana de Mirvo Conrrey era uma excelente escolha, e Adrien se dirigiu ao parente comerciante, para pedir para acompanhá-lo até Northumberland.



avatar
Alexyus
Presas de Prata
Presas de Prata

Mensagens : 1783
Data de inscrição : 14/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Klauss Krugger em Sex 11 Out 2013 - 16:00

* Jon percebe que suas opções são poucas e que sua vida está sobre o fio da navalha, sua unica alternativa é tentar manter-se vivo até a matilha acabar com os fomori para então vir em seu socorro, nesse meio tempo vai tentar ferir um pouco mais a bruxa torcendo para que o Falcão lhe de Forças.*

Garras da Justiça -- Lord Falcão guie minhas ações!!!!

(Jon vai correr em direção a criatura de pedra sem soltar a perna da bruxa, preferencialmente fazendo com que ela se arraste pelo chão e em seguida usa-la para bater na criatura de pedra.


Citação
Ação
Pensamento
Narração
Fala

"Leões e Tigres são fortes... mas lobos não trabalham em circo."

ficha Klauss Krugger
avatar
Klauss Krugger
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 2494
Data de inscrição : 18/04/2011
Idade : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Tony.Zefs em Seg 14 Out 2013 - 7:19

Todos ouvem as nossas palavras com atenção. Vejo que as minhas palavras atingem o ego deles, afinal nada fizeram para solucionar o caso.

"Então... Serão mais uma vez relapsos ou vendo cliaths dispostos a derramar sangue e morrer pela causa irão lutar ?"

O duas pernas retoma a palavra, se dirigindo a Fenrir duas pernas ao meu lado. Indicando que uma matilha nos acompanhará.

Quando vejo que a matilha de Garra Avassaladora ira nos acompanhar, observo ele atentamente.

"Ter um Athro como aliado nessa tarefa é muito bom! Mas indica que eles esperam que os problemas não sejam simples e de fácil resolução."

Após falar sobre a participação de Garra Avassaladora, o duas pernas de vira para mim e continua a falar, explicando que Choro dos Céus tinha planos para a Aldeia dos Macacos e já havia enviado antes Lobos para o Norte, inclusive meu pai era um dos Lobos da missão, porém não se tem mais notícias, apenas o observado avançar do mal.

Ouço a suas palavras, com a menção do nome de meu pai, sinto-me mais confiante, pois estou próximo de saber a verdade sobre a sua localização.

"Enfim algo concreto sobre a presença de meu pai. Essa é a minha missão!"

Assim que o duas pernas termina de falar. Abaixo a cabeça demonstrando que compreendi as suas palavras e falo ao dois anciões de forma direta.

"Vou ao Norte e mesmo que o mal seja superior, irei rasgá-lo, nem que apenas o meu uivo retorne das terras ao Norte, saberão que o Mal esta derrotado e a terra é mais uma vez nossa! Com os Fenrirs e os Fiannas ao nosso lado, vamos por um fim ao mal que os Símios acordaram. Terminarei o trabalho que meu pai começou! Nada ficará ao nosso caminho! Luna"

Finalizo uivando para a Lua.


Narração
Minha Fala
Pensamento


                                                                                                         

Neal Schmitt -  Domador de Aranhas - Andarilho do Asfalto - Hominideo - Ragabash

Presa de Sangue - Garra Vermelha - Lupino - Arhoun

Oliver Queen - Parente Fianna - Socio da Alpha Moon
avatar
Tony.Zefs
Moderador
Moderador

Mensagens : 540
Data de inscrição : 25/09/2012
Idade : 29
Localização : Casa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Natalie em Seg 14 Out 2013 - 16:33

Amora ouviu a decisão do athro e alegrou-se de que ele não era covarde.

Ela já conseguia sentir o sangue correndo rápido nas veias na expectativa da batalha. Esperava partir o quanto antes.

Viu com naturalidade as bravatas que alguns soltavam nessas horas, mas ela, que sempre vivera sozinha, não tinha esse hábito e preferiu ficar calada. Mostraria em batalha a força dela e orgulharia o Grande Fenris.


*Ações*
- Falas
"Pensamentos"
avatar
Natalie
Filhos de Gaia
Filhos de Gaia

Mensagens : 792
Data de inscrição : 15/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Ter 15 Out 2013 - 15:53

Amora e Presa de Sangue

Presa de Sangue mostra que dará a alma na missão, Amora tem o brilho da ferocidade de Fenris em seus olhos. O Ancião Fianna vê que uma guerra logo será travada para que as terras ao Norte voltem para os Garou e aquele pequeno grupo será o início de tudo...
Mardorix Coração Temerário - Vocês devem descansar por hoje e preparar tudo com cautela. A jovem Fenris precisa de roupas para o nosso clima mais hostil, enquanto todos devem levar provisões para o que vão ter pela frente. No raiar do dia invocaremos nossos aliados espirituais para mostrar uma trilha até o Caern da Brisa Fria e Grama Verde, não sei o que podem encontrar lá, por isso toda atenção. Se a terra de Mac-Dhrubam está mesmo perdida é nossa obrigação traze-la ao domínio dos Garou novamente. Garra Avassaladora, já sabe o que fazer e quanto aos jovens tenham cuidado e não morram até o amanhecer do 3 dia após a chegada em Mac-Dhurbam. Que Gaia e o Cervo protejam a todos.
O Ancião sai e deixa Amora e Presa de Sangue com Garra Avassaladora, este leva ambos até o local onde fica sua matilha, existem algumas tendas vazias que podem ser usadas e árvores que servem de abrigo e local para repousar. Uma fogueira já está acesa e os membros da matilha do Athro são apresentados...
Garra Avassaladora - Mia Canto das Fadas, é Lupina e Galliard, uma Adren que inspira seus companheiros e combate com paixão em nome de Gaia e sua Terra. Ela é a Beta da matilha...Cassivell Filander – Voz da Escuridão, ele é Hominídeo e um Theurge respeitado, também é um Adren...Clive Getorix – Caminho Seguro, também Hominídeo e nascido na lua dos trapaceiros. Ele é um Fostern com habilidades peculiares para entrar e sair de locais sem ser notado...Palavras de Ordem, Filodox Lupino. Um Fostern atento e que sabe tirar a verdade de seus inimigos.
Após apresentar seus irmãos de matilha e ouvir o que os jovens precisam para a empreitada, todos descansam e aguardam o raiar do novo dia. Assim que o sol nasce o Vigia do Caern convoca o grupo de Garous e diz...
Vigia - Conseguimos com muito custo de nossos aliados e parentes espirituais um trilha bem fraca e tênue que irá levá-los próximos ao antigo Caern dos Garras Vermelhas, fiquem atentos e tomem cuidado também no mundo espiritual. Percebemos que nossos aliados ficaram bem temerosos em nos ajudar a chegar nas terras do Norte.
O Vigia abre o caminho, a passagem não é normal, ela é bem escura e apenas um fio fraco de luz marca o caminho e não é possível ver o que está do outro lado. Apenas é possível sentir um arrepio, como se algo já os estivesse observando. Os Garou cruzam a trilha, mesmo fraca e param próximos a uma subida. Alguns corvos e abutres sobrevoam o mundo espiritual...
Garra Avassaladora - Um mau sinal.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Ter 15 Out 2013 - 16:09

Adrien Dilermando

Mirvo é procurado por Dilermando e com sorriso o parente aceita o Garou na caravana, afinal, os caminhos nos dias atuais já não são tão seguros assim e coisas estranhas vem ocorrendo, ter um Garou é muito bom para os "negócios" por assim dizer...
Mirvo - Será uma benção sua companhia meu caro irmão. Mais devo lhe avisar que somente eu conheço o "povo", os outros são pessoas normais. Espero manter um bom ritmo para chegar em 4 dias no máximo.
Dilermando se sente feliz, mais ao mesmo tempo sabe que se houver algum imprevisto pode acabar recaindo sobre ele a resolução e como diz a litania, ele deve proteger os inferiores a ele...
Mirvo - Iremos fazer apenas uma grande parada e será no entreposto real, ele fica próximo as terras do Conde, tudo bem.
Dilermando já viajou até Northumberland, porém, já faz um tempo. Entretanto, não vê problemas em passar algum tempo em um lugar protegido. A caravana faz todos os preparativos, assim como o Garou e quando o dia seguinte começa a nascer lá vão eles rumo a Northumberland. No primeiro dia eles viajam até quase o anoitecer sem muitas paradas e comem comida barata e básica a bordo das próprias carroças. O ponto de parada é um pequeno vilarejo chamado Duirstal, existe uma estalagem bem modesta e todos se acomodam como dá por lá. Dilermando estranha um pouco tudo aquilo até pela vida mais abastada que tem. No dia seguinte seguem viagem, deverão no fim do dia estar próximos ao entreposto, no entato, a caravana é bloqueda por um tronco caído no meio da estrada e um homem à cavalo que diz...
??? - Saudações!!!Querem passar, podem passar só que: Quanto tem para baganhar? 
Aparentemente ele está só e pelo visto é um saqueador.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  LeoPrata em Ter 15 Out 2013 - 16:41

Jon White

Jon vai carregando a bruxa com uma das mãos e pretende investi-la contra a criatura de pedra. Entretanto escuta algo...
Bruxa - Terra antiqua spiritus satiare famem hostium cruore.
Combate:
Bruxa gastou 1 ponto de Quintessencia e rolou arete 4 + life 4 para Vampiric Drain, Obtendo: 6-2-4-1-6-1-3-6 [Diff:8]. Resultado: Falha Crítica.

Jon escuta as palavras demoníacas da bruxa mais não há tempo para soltá-la, porém, nem é necessário e uma energia pura e caótica cai sobre eles quase que de forma instantânea. Jon voa longe...
Combate:
Jon rolou 7d10 para Absorver dano por energia (6 de dano), Obtendo: 2-1-8-7-5-2-4 [Diff:8]. Resultado: 1 sucesso.

Jon rolou 4D10 para Fúria, Obtendo: 4-8-5-7 [Diff:3]. Resultado: Frênesi

Jon rolou 7D10 para Vigor, Obtendo: 2-5-6-8-3-4-8 [Diff:8]. Resultado: 2 Sucessos

Jon cai sentido sua vida se esvair, porém, o seu lobo interior o trás de volta em estado de fúria, todo o seu lado direito está severamente queimado lhe causando muitas dores, mais seu inimigo está na frente e com a fúria ardendo em seu peito o inimigo provará sua ira bestial. A bruxa por hora é esquecida.
Off: Nesse turno Jon recuperou 3 pontos de fúria e 1 nível de vitalidade pelo dano da criatura de pedra ter sido por contusão.


Jon White:
Nome do Personagem: Jon White

Nome Garou: Garras da Justiça
Nome do Jogador: Klauss

Raça: Hominideo
Augúrio: Filodox
Tribo: Presa de Prata

Natureza: Juiz
Comportamento: Celebrante
Conceito: Juiz

Características
Idade: 16
Nacionalidade: Britanico
Cabelos: Brancos
Raça: Branca
Olhos: Azuis
Sexo: Masculino

Descrição:

.......................Altura:........................................... Peso:
Hominídeo:.......1,80m........................................... 80 kg
Glabro:.............1,85m.......................................... . 110 kg 1*
Crinos:.............2,85 m........................................... 350kg 2*
Hispo:.............. 1,70 m............................................340 kg 3*
Lupus:.............0,75m............................................. 35kg 4*

Atributos - Físicos 7

- Força: 2
- Destreza: 5 (agilidade, reflexos felinos) (comprado com bônus)
- Vigor: 4 (robustez)

Atributos - Sociais 5

- Carisma: 1
- Manipulação: 4 (lingua afiada)
- Aparência: 3

Atributos - Mentais 3

- Percepção: 2
- Inteligência: 2
- Raciocínio: 2

Habilidades (13-9-5 qualquer ordem, favor definir qual usou em cada um para facilitar nas contas.)

Talentos 13

Prontidão: 2
Esportes:1 
Briga: 3
Esquiva: 4 (1com bonus) esquivar-se
Empatia: 2
Interpretação:
Intimidação:
Inst. Primitivo: 2
Crime:
Lábia:

Perícias 9

Empatia c/Animais:
Arqueirismo:
Artesanato: 
Protocolo: 1
Liderança:1
Armas Brancas: 4 (1 com bonus) (tecnicas de klaive aprendidas com Vougan)
Atuação: 
Cavalgar:
Furtividade:1
Sobrevivência: 3

Conhecimentos

Acadêmicos: 1
Enigmas:
Investigação: 1
Direito:
Linguística:
Medicina:
Ocultismo: 1
Política:
Rituais: 2
Ciência:


Antecedentes (5 pontos)
Raça Pura 5
Rituais 2

Detalhes sobre Antecedentes: 
Filho bastardo de uma das linhagens que se tornaria uma das mais importantes da nação Garou.
Rituais aprendidos com Vougan

Dons: 3 Dons de Nível 1 

- Tribo = Verdade de Gaia
- Raça = Momentos Roubados
- Augúrio = Resistencia a Dor


Rituais:
Pedra Caçadora
Dedicação a um talismã

Manobra Especial: 
Ação Evasiva (briga)
Desarme (armas brancas)


FÚRIA: 7
GNOSE: 3
FORÇA DE VONTADE: 7
POSTO: 1 


RENOME
- Glória Permanente:
- Honra Permanente: 3
- Sabedoria Permanente:

RENOME
- Glória Temporário:
- Honra Temporário: 1
- Sabedoria Temporário:


Vantagem de tribo:
Direito Inato
Por causa do papel tradicional dele como um líder e chefe, um Presas de Prata tem as dificuldades sociais diminuídas em 1 entre outros Garous e Parentes. Também por causa do papel tradicional dele como um líder e chefe, um Presas de Prata pode retestar mais uma vez qualquer Desafio Social gastando 1 de Força de Vontade, o melhor resultado é que conta. 


Fraqueza Tribal:
Arrogância de Senhores 

Precisam fazer testes de frenesi quando sua autoridade é questionada. Os Presas de Prata foram os líderes da Nação Garou desde tempos imemoriáveis. Eles sabem com toda certeza que serem líderes é seu direito nato. Se alguém for imprudente o suficiente para questionar isso, do seu ponto de vista isso não será nada menos que uma blasfêmia contra os planos de Gaia.



Qualidades / Defeitos (Coloque eles separados e com a descrição em spoiler e em letras negras)
Caçado (Defeito: 3 pontos)




Incapacidade de Mudar Parcialmente(Defeito: 1 ponto)




Excesso de Confiança: (1 ponto de Defeito)



Marca do Predador (Defeito: 2 pontos)




Equipamento e Bem Possuídos:
Roupas simples, capa em lã tingida de preto, espada bastarda


Cicatriz de Batalha - Queimaduras de 3º Grau em todo braço direito e parte do Torso. +1 na dificuldades de testes sociais e aumento na dificuldade para manejar qualquer objeto com a mão direita (variável de acordo com a forma) 
 

Vitalidade: OK OK -1 -1 -2 -2 -2 -5 Inc.

Criatura de Pedra:
Força: 3 Destreza: 3 Vigor: 3 / Socias: 0 / Percepção: 3 Inteligência: 3 Raciocínio: 3 / Prontidão: 2 Briga: 2 Esquiva: 2 Empatia: 1 Intimidação: 3/ Soco: F+1 Ataque em Carga: F + 3/ Vitalidade: OK OK OK -1 -1 -1 -2 -2 -2 -5 Inc.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Alexyus em Qua 16 Out 2013 - 0:17

Mirvo - Será uma benção sua companhia meu caro irmão. Mais devo lhe avisar que somente eu conheço o "povo", os outros são pessoas normais. Espero manter um bom ritmo para chegar em 4 dias no máximo.
Adrien sorriu para Mirvo, garantindo:

- Não te preocupes, caro irmão. Eu serei discreto e seus companheiros não sofrerão nada de minha parte!

Mirvo - Iremos fazer apenas uma grande parada e será no entreposto real, ele fica próximo as terras do Conde, tudo bem.
- Está ótimo, meu caro. Se eu puder ajudar em algo, por favor avise-me.

Dilermando seguiu viagem com a caravana, aproveitando os momentos oportunos para falar algo interessante aos seus companheiros sobre o mundo natural e suas utilidades, segundo o que havia aprendido em seus estudos.

Duirstal foi uma mudança de ares nova e não de todo desagradável. Adrien conversou com os estalajadeiros e aldeões, procurando ouvir suas histórias e também contando algumas suas. Sua insaciável curiosidade também estendeu-se às mulheres, com quem ele não conseguia evitar flertar. Mas a noite passou rapido e logo eles voltaram à estrada.

Quando o caminho foi barrado pelo tronco caído e pelo homem que queria barganhar, provavelmente um saqueador, Adrien revirou os olhos para cima, irritado.

"Esse sujeito está deveras mal-intencionado..."

Mas sendo Mirvo o líder da caravana e conhecendo seu segredo, Adrien deixou que ele tomasse á frente na questão, apenas mantendo-se ao lado do viajante, de prontidão.



avatar
Alexyus
Presas de Prata
Presas de Prata

Mensagens : 1783
Data de inscrição : 14/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Maldição de Mac-Dhurbam

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 9 de 10 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum