Toronto - Estado de Alerta

Página 2 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  Daniel Ramone em Ter 21 Jan 2014 - 18:29

Durante a conversa Vincenzo ainda tem em mente os detalhes dos buracos que viu do lado de fora do prédio.

“As formas precisas do buraco, o cheiro de óleo pelas bordas... Só pode ter sido uma máquina. Sinto que estes Garou não me dirão tudo que sabem. Talvez eu deva arrancar algumas respostas.”

Ao perceber que Paco e a dupla de homens armados partem com as ordens de Charada Mortal, Vincenzo desperta de seus pensamentos.

Charada Mortal - Sabe meu jovem, confiança exige legado e sangue, isto é bem raro nos dias de hoje que as linhagens se diluem em sangue fraco. Admiro você e Herdeiro do Trovão, possuem nobreza.


Vincenzo faz um pequeno gesto com a cabeça em gratidão aos elogios do Theurge. Sente-se feliz por estar lidando com um Senhor das Sombras com “Pedigree” suficiente para compreender sua posição, e ao notar isso passa a respeitar ainda mais Charada Mortal.

Charada Mortal - Vou lhe apresentar sem mais delongas para um grupo distinto. Eles poderão lhe passar maiores detalhes sobre o "problema" que passamos.


Vincenzo pensa em fazer algumas perguntas, mas quando o Theurge menciona que maiores informações virão a ser passadas, decide esperar que as respostas venham até ele naturalmente. Quando a palavra ‘grupo distinto’ bate em seus ouvidos, reza para que isso signifique boa coisa. Logo ele segue Charada Mortal pelo corredor ao qual é conduzido. Não se permite temer a escuridão, pois é um orgulhoso Senhor das Sombras.

“Se alguma luz for necessária neste lugar, que o próprio Avô Trovão o ilumine!”

Os dois chegam até uma nova sala, onde Vincenzo se depara com mais três indivíduos. Um deles, que Vincenzo logo imagina ser o alfa, faz as apresentações.

??? - Tico Eco dos Becos, Nascido entre os homens - Adren - Galliard da tribo dos Andarilhos do Asfalto e alfa da matilha Batedores de Toronto. Perdi dois irmãos de matilha no ataque e espero que possa nos ajudar na ingrata tarefa de tentar rastrear o estranho Metallus.


O Senhor das Sombras educadamente estende a mão para um aperto cordial.

- Canção-das-Trevas, filho dos homens – Galliard dos Senhores das Sombras e herdeiro do grande Sangue-na-Neve. É uma honra servir à um alfa que nasceu na mesma lua que eu, e garanto que não só vou ajudá-los com seu problema, como no fim comporemos juntos um réquiem em nome de seus falecidos. Mas quem diabos é Metallus?!  

ação
fala
off
pensamento
avatar
Daniel Ramone
Senhores das Sombras
Senhores das Sombras

Mensagens : 443
Data de inscrição : 29/12/2013
Idade : 30
Localização : Pet Sematary

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  Alexyus em Qua 22 Jan 2014 - 12:34

Alaín assentiu para Adam, respondendo:

- Será uma honra, nobre irmão. Por favor, ponha-me a par dos acontecimentos e de seus planos, e eu o ajudarei como puder.

Não havia mais que ele pudesse fazer no momento, mas faria o que pudesse com dedicação.
avatar
Alexyus
Presas de Prata
Presas de Prata

Mensagens : 1783
Data de inscrição : 14/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  LeoPrata em Qua 22 Jan 2014 - 17:11

Canção das Trevas

Vincenzo trata com cordialidade o Adren da matilha Batedores de Toronto e este levanta um nome que soa estranho para Vincenzo. A pergunta do jovem Garou é mais do que normal e Eco dos Becos fala...

Eco dos Becos - Só para manter o praxe antes de te responder apresento a você Portti Fuga Ligeira, Ragabash Fostern dos Roedores de Ossos, nascido entre os homens e Nora Julga Fatos, Meia Lua Adren dos Andarilhos do Asfalto, também nascida entre os homnes e agora beta da matilha. No dia 20 Março às 23hrs nosso Caern começou a sofrer pequenos ataques de espíritos desorientados, achamos estranhos por sempre foram aliados urbanos. Na medida que minha matilha e a matilha da Defesa Hi-Tech investigávamos a Umbra, um grupo de seguranças (grande parte parentes) começou a olhar o entorno do prédio no mundo físico.

O jovem Adren faz uma pausa olhando para seus companheiros e Vincenzo, seu semblante fica pesado nessa hora...

Eco dos Becos - De forma rápida e surpreendente nosso grupo no mundo físico começou a ser atacado por um tipo de máquina perfuratriz, só que dotada de armas de grosso calibre. Enquanto eram literalmente massacrados minha matilha e a outra começamos a sofrer investidas hostis de espíritos urbanos aliados, eles atacavam de forma desorganizada é verdade, mais tudo na tecnologia tem uma padrão e o que chamamos de desorganizado era apenas para nos distrair. Logo o Totem do Caern estava sendo atacado por vários elementais menores da eletricidade, vidro, concreto e metal. Este último parecia o mais forte e hostil, nós combatemos como foi possível até porque o Totem do Caern estava enfraquecendo rápido. Nessa hora um monolito de Metal de uns 7 Metros talvez e manifestou no local e obviamente ressabiados perguntamos quem era e porque nos atacava. Ele não exalava o odor da Wyrm, então, ficamos confusos e apreensivos, nessa hora ele se auto-denominou Metallus e disse que traria o padrão puro da máquina para mundo. Tentamos saber mais, porém, a entidade nos mandou ficar fora de seu caminho e Ryan, o Ahroun de minha matilha, decidiu atacá-lo, suas garras não fizeram efeito algum e o ataque de Metallus foi uma chuva de lâminas que o guerreiro não teve como escapar. Tentamos revidar a perda do nosso companheiro de matilha mais quase perecemos também, meu Theurge de nome Jordan ainda tentou controlar Metallus mais ele desencadeou um tipo de pulso elétrico que aniquilou meu irmão de matilha ao atingí-lo em cheio e jogou a todos os outros no chão atordoados.

Eco dos Becos faz mais uma pausa e termina dizendo...

Eco dos Becos - Dos mesmo modo que começou, tudo terminou. Quando nossa derrota era certa e a queda do Caern também Metallus deixou o local e os espíritos antes hostis pararam de nos atacar. A máquina também sumiu no mundo físico, mais essa fez mais estragos além de vidas. Ao que parece foram baixados dados de acesso sigilosos a toda uma rede governamental da cidade, monitoramos muito gente para saber se podem ser confiáveis ou não e isso ao que parece era de interesse do nosso ofensor. Temos matilhas à procura de pistas no mundo físico, mais poucos querem encarar uma ida ao mundo espiritual, só que como pode perceber perdemos muito na Umbra e esperamos pelo menos causar algu mestrago no inimigo para compensar nossa perda.

A mente de Vincenzo voa, parece estar em um livro ou série de ficção científica, mais essa era para valer pelo jeito e mortal. Pela primeira vez estaria em uma missão onde o foco não era a Wyrm, talvez ela tivesse sua parcela de culpa, mais o que caçavam era um ser poderoso e desconhecido da Weaver.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  LeoPrata em Qua 22 Jan 2014 - 17:15

Alaín Bourdon

Alain aceita a oferta de Ada mque lhe fala com voz mansa...

Adam - O que tinha que ser dito por aqui já terminou, se puder vamos a casa de meu tio. Vou convocar minha matilha e poderemos lhe passar o que temos em mãos até agora.

Alain está sem muitas opções mesmo e não vê um motivo contrário para não escutar alguma informação de valor, isto, se lhe for revelado algo interessante. A propriedade do Tio de Adam é próxima e Alain já ouviu falar no senhor Piotr Lachevysky, tio de Adam. Ele é ligado a política ambiental da cidade e também possui casas de câmbio como empreendimentos. A casa é muito aconchegante e luxuosa, na parte de fora existe um pequeno pátio coberto, este abriga uma mesa de mármore antiga bem conservada com alguns bancos de madeira. Logo outras 2 pessoas se juntam a Alain e Adam e se apresentam...

??? - Asus Fherrel, Conto Urbano - Galliard, Fostern da tribo dos Andarilhos do Asfalto, nascido entre os homens.

O outro tem um jeito meio maltrapilho, parece até um mebro de gangue de rua...

??? - Donovan Blake - Espírito de Vingança - Ahroun, Cliath da tribo dos Roedores de Ossos, nascido entre os homens.

Depois da apresentação de Alain o Roedor fala de forma impaciente...

Donovan - Agora que já protocolamos toda essa merda de fala daqui e fala dali vamos aos fatos. Se o nobre alfa me permite, gostaria de passar todo a cagada que emergiu do privadão aqui da cidade.

Conto Urbano faz um gesto reprovando os modos do Roedor mais permite que ele fale.

Donovan - Vou maneirar no palavriado pode deixar. Era uma vez, porra nenhuma isso não é historinha, mais para falar a verdade até parece uma. O Caern Urbano dos fodões Senhores das Sombras e dos irmãos de asfalto (a fala irmão soa meio debochada) foi atacado, fuzilado e teve muita gente que era boa, coisa rara por lá, que foi morta. Fiquei sabendo que duas matilhas viram um espírito robô sinistro na Umbra, mais no mundo físico uma máquina que furava o concreto igual palito fura gelatina atacou uma galera de seguranças que defendiam o entorno do Caern. Os caras foram retalhados, cortados ao meio e não tô exagerando, mais aí vem o pulo do gato: o Vigia do Caern foi ao encontro da tal máquina munido explosivos para mandar a porra toda pelos ares se fosse preciso, só que ele descobriu que tinha gente comandando a operação. Daí para frente é só especulação já que as fitas de segurança param com um rosto estranho gravado e o vigia está com um ferimento série na cabeça e não voltou ainda, quem sabe até esqueça tudo. Bom é isso meus amigos, espero que tenham gostado desta merda toda.

Apesar do trato zero do Roedor, Alain fica pensando nas palavras dele e o que podem estar enfrentando.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  The Grand Wizard [Passo] em Qua 22 Jan 2014 - 21:53

Depois de despejar aquela avalanche de merda anal pela boca, vejo um sorriso na boca do Beta. Será que eles gostaram mesmo ou ficaram tanto tempo sem escutar um Galliard decente que um Ragabash de boca suja pareceu ser um grande orador? Pode ser insolação, faz mal para cabeça. Termino de escutar ele e penso o qual irônico um Beta recomendando que eu, outro BETA se torne o chefão e líder. Rejeito a coroa, até onde sei com uma grande coroa na cabeça eu viro um alvo fácil e o peso pode esmagar meu cérebro. Peninha dos Presas de Prata, talvez seja por isso que eles tem cabeça chata e uma mente amassada feito batata.

Dou com os ombros e digo. - Prefiro ficar por trás dos Alfas. Já escutei ou li em algum lugar "Quem teme as trevas não sabe do que a luz é capaz". Procuro superar todos os tipos de trevas, Hélios pode ajudar, mas algumas vezes temos que encontrar o caminho sozinhos. - Dou um meio sorriso e termino. - A luz pode cegar. Uma vez cego só iria ver a escuridão, por isso torço para não explodirem alguma grana de luz na minha cara. - Ele revela o profundo e o escondido; conhece o que está em trevas, e com ele mora a luz. Não é isso de fato um ato de um Lua-Nova?



Depois de arrumar tudo que vou levar, chego perto de Alba e coloco minha mão direita na face dela, aproximo o suficiente e dou um leve beijo e depois digo com uma voz inalterada. - Alba, vou voltar. Sempre volto. Você sabe que fomos unidos pelos espíritos de nossos pais, será difícil separar nós dois. - Uma mentira que eu mesmo não acredito, mas talvez ajude ela. - Fique aqui, esse é o melhor lugar para você. Não sei quanto tempo vou demorar para voltar, mas espero que você esteja esperando um filho meu, nem vou te chutar caso esteja com um barrigão... mas não prometo nada. - Não prometo mesmo.

Depois de terminar essa despedida sigo até onde a Ponte vai ser aberta. Vejo de algum modo o outro lado. Nosso destino para essa viagem. Avanço percorrendo o caminho junto com os outros três, minha mochila nas costas, um machado nas mãos e receio no coração. Sinto as energias do Espírito Canibal, algo que nunca senti até o momento. Chegamos e pisamos em terra firme após sair da Ponte da Lua e sua estranha trilha.
Somos recebidos por um Vigia que fala de modo estranho, ele saúda o Alfa e logo depois vem falar comigo. Fico surpreso ao ouvir que é outro Peregrino Silencioso.
Pensei que só iria encontrar aqui Wendigos, Uktenas e talvez um Garra Vermelha. Mas deixaram um Impuro nosso aqui, em uma posição de honra? Que coisa! Talvez eu vá gostar desse Caern. Talvez...

Ronny - Longos dias e belas noites, peregrino. Sou "Passolargo" Anpu-Subera-a-Escurião, Cliath, Hominídeo e Ragabash. É bom outro irmão em tal posição elevada, ouvi boas coisas sobre os Wendigos daqui.

Caminho seguindo o líder Enxerga na Escuridão. Sinto que o lugar tem energia da Wyld predominante, mas a Weaver parece sempre estar presente nesses dias, sei disso. Escuto isso. Chegamos até uma choupana de pedras adornada com a imagem do Salmão, por um momento desejo comer um saboroso salmão... mas vejo um rosto vermelho conhecido. É Cício Ecoante, Philodox Uktena da minha matilha, um irmão inesperado que aparece.
Dou um sorriso cheio de dentes brancos e perfeitos, caminho e abraço ele. Não ligo de fazer um pequeno show, talvez deixo ele até constrangido, algo engraçado se for ocorrer.


Ronny - Cício Ecoante meu irmão e amigo. Não esperava ver você dessa maneira inesperada, certamente Éolo desejou que esse encontro inesperado ocorresse. Caso eu não sentisse uma legítima surpresa não iria agir desse jeito bobalhão.
avatar
The Grand Wizard [Passo]
Admin
Admin

Mensagens : 1891
Data de inscrição : 24/12/2010
Idade : 28
Localização : Pra lá de Além Paraiba

Ver perfil do usuário http://lobisomemoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  Daniel Ramone em Qua 22 Jan 2014 - 22:46

Eco dos Becos - Só para manter o praxe antes de te responder apresento a você Portti Fuga Ligeira, Ragabash Fostern dos Roedores de Ossos, nascido entre os homens e Nora Julga Fatos, Meia Lua Adren dos Andarilhos do Asfalto, também nascida entre os homens e agora beta da matilha...

Enquanto Eco dos Becos apresenta os dois outros membros Vincenzo os cumprimenta demonstrando seu respeito por ambos de posto mais elevado.

- Satisfação. Satisfação.

...No dia 20 Março às 23hrs nosso Caern começou a sofrer pequenos ataques de espíritos desorientados, achamos estranhos por sempre foram aliados urbanos. Na medida que minha matilha e a matilha da Defesa Hi-Tech investigávamos a Umbra, um grupo de seguranças (grande parte parentes) começou a olhar o entorno do prédio no mundo físico...

Vincenzo nota a mudança na expressão do Andarilho do Asfalto e procura ouvi-lo com mais atenção em uma tentativa de estudá-lo para saber que tipo de líder ele é.

Eco dos Becos - De forma rápida e surpreendente nosso grupo no mundo físico começou a ser atacado por um tipo de máquina perfuratriz, só que dotada de armas de grosso calibre. Enquanto eram literalmente massacrados minha matilha e a outra começamos a sofrer investidas hostis de espíritos urbanos aliados, eles atacavam de forma desorganizada é verdade, mais tudo na tecnologia tem uma padrão e o que chamamos de desorganizado era apenas para nos distrair. Logo o Totem do Caern estava sendo atacado por vários elementais menores da eletricidade, vidro, concreto e metal. Este último parecia o mais forte e hostil, nós combatemos como foi possível até porque o Totem do Caern estava enfraquecendo rápido. Nessa hora um monolito de Metal de uns 7 Metros talvez e manifestou no local e obviamente ressabiados perguntamos quem era e porque nos atacava. Ele não exalava o odor da Wyrm, então, ficamos confusos e apreensivos, nessa hora ele se auto-denominou Metallus e disse que traria o padrão puro da máquina para mundo. Tentamos saber mais, porém, a entidade nos mandou ficar fora de seu caminho e Ryan, o Ahroun de minha matilha, decidiu atacá-lo, suas garras não fizeram efeito algum e o ataque de Metallus foi uma chuva de lâminas que o guerreiro não teve como escapar. Tentamos revidar a perda do nosso companheiro de matilha mais quase perecemos também, meu Theurge de nome Jordan ainda tentou controlar Metallus mais ele desencadeou um tipo de pulso elétrico que aniquilou meu irmão de matilha ao atingí-lo em cheio e jogou a todos os outros no chão atordoados.

Vincenzo respira pesadamente ao ouvir estas informações. Quando pensou em ajudar a matilha esperava por algum problema mais simples e menos prodigioso. Mas não deixou transparecer sua surpresa em momento algum, continuou indiferente ao ouvir o alfa após a nova pausa.

Eco dos Becos - Do mesmo modo que começou, tudo terminou. Quando nossa derrota era certa e a queda do Caern também Metallus deixou o local e os espíritos antes hostis pararam de nos atacar. A máquina também sumiu no mundo físico, mais essa fez mais estragos além de vidas. Ao que parece foram baixados dados de acesso sigilosos a toda uma rede governamental da cidade, monitoramos muito gente para saber se podem ser confiáveis ou não e isso ao que parece era de interesse do nosso ofensor. Temos matilhas à procura de pistas no mundo físico, mais poucos querem encarar uma ida ao mundo espiritual, só que como pode perceber perdemos muito na Umbra e esperamos pelo menos causar algum estrago no inimigo para compensar nossa perda.

Vincenzo está simplesmente desnorteado. Esperava por um embate com a Wyrm, inimigo que desde pequeno foi ensinado a combater. Da Weaver pouco sabia o que esperar ao tê-la como uma adversária.

- Para mim está claro que existe uma inteligência maior e ainda oculta por trás de tudo isso. Tudo bem que a Weaver possui uma natureza bastante rígida, mas nos atacar deliberadamente? Isso vai contra tudo que aprendi. A Weaver quer a ordem, e o que Metallus fez foi espalhar o caos. Informações sigilosas foram roubadas para alguém, alguém que não queria exatamente a destruição do caern quando os atacou. Quanto a ir até a Umbra, acho excelente ideia, porém com ressalvas. Tenho Gaia como testemunha de que não é minha intenção questioná-lo, mas tem certeza de que quer lançar mais companheiros para o combate neste momento, meu caro, quando o moral deles provavelmente está baixo devido às perdas? Sim, vamos até a Umbra, estou do seu lado, mas só com o intuito de falar com os espíritos aliados, de fortalecer nossa amizade neste momento de crise. Você é um grande Theurge, eles ouvirão sua sabedoria. Enquanto no mundo físico, talvez seja esse o momento crucial para reunirmos as outras seitas de Toronto para uma grande assembléia, afinal o problema é deles também.

Ação
Fala
Off
Pensamento
avatar
Daniel Ramone
Senhores das Sombras
Senhores das Sombras

Mensagens : 443
Data de inscrição : 29/12/2013
Idade : 30
Localização : Pet Sematary

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  X-Fox em Qui 23 Jan 2014 - 13:58

Chepi acompanha Flecha Fantasma até a tenda de Harmonia com o Todo. No caminho ele pondera sobre o que o Ancião Wendigo deseja lhe dizer. De fato, ele pouco sabe sobre o acontecimento em terras distantes, mas a falta de detalhes é um incentivo para o jovem Uktena. Ao longo dos anos ele aprendeu a descobrir e conhecer o mundo com seus próprios olhos, e sempre que surge a oportunidade de novas experiências, a sua curiosidade é o que mais o incita a vivencia-las. Mas apesar de tudo isso, é natural os Anciões terem com os jovens antes de enviá-los até terras distantes em missão. É tão natural entre os Garou, quanto é entre as tribos indígenas, as quais Chepi é tão familiarizado.
Ao adentrar no pequeno refúgio, Chepi sente a atmosfera mudar. No primeiro momento, ele entende que aquele era um local sagrado. Em respeito, faz uma reverência na entrada e de novo, de fronte à Harmonia com o Todo, em sua forma lupina. Então se prostras, esperando suas palavras.

- Medewinwin do povo Uktena, irmão mais velho do povo Wendigo, você estará indo para uma terra que já foi dos ancestrais de meu povo e agora está tomada pela insanidade da Aranha e os sonhos estranhos dos macacos. Nem mesmo os Garou que vivem naquelas terras louvam mais a Wyld, somente alguns poucos veem seu rosto pedindo ajuda. Uma grande parte vive junto as construções da Aranha e prefere viver a vida dos macacos a estar fazendo o que a Grande Avó designou. Meus ancestrais revelaram que os Wasichus terão tempos difíceis, mais esse tempo nos afetará e também afetará aos puros, todos vamos pagar pela Insanidade da Aranha e seus seguidores.
- A magia do irmão mais velho e forte e sendo um Medewinwin sua voz tem mais chance de ser ouvida por aqueles amarrados a teia da Aranha. Estará em um lugar bem diferente daqui jovem Uktena, mais a Grande Avó parece lhe enviar um alento.


Chepi novamente reverencia o Ancião Wendigo em agradecimento às suas palavras, apesar das últimas terem deixado o Philodox um pouco em dúvida. Por ora, elas não faziam sentido, mas ele decide por credulidade em Harmonia com o Todo, e esperar que depois ele entenda o que quis dizer. Seu tempo na seita Mão de Gaia já terminava e a ponte da lua já estava para ser aberta. Era chegada a hora.

- Boa sorte! Que Gaia e o Uktena lhe tragam sabedoria para enfrentar os desafios que estão por vir.

- Obrigado. Honrarei a nossa tribo, assim como o pedido do irmão mais novo.

Chepi avança sem olhar para trás. Sua mente agora estava focada no seu objetivo. Seu corpo atravessava a Ponte e logo estava no Caern Wendigo. À sua frente, o Vigia do Portão se apresenta, até que o seu olhar é levado até seu irmão de tribo. Apesar de sua aparência incomum, Cício Ecoante não se espanta. Ele sabe da existência de peculiaridades naqueles cujos pais desobedeceram a Litânia. Mas ele não os considera culpados pelos pecados dos outros, apesar das marcas que são obrigados a levar por todas suas vidas. No entanto, aquele em particular tinha algo a mais, algo que não fazia parte de sua herança sanguínea. Mas por ora era melhor esquecer esse fato e se concentrar naquilo que ele havia vindo fazer.

- Você deve ser Cicio Ecoante, sou Caminha na Noite, Uktena Ragabash Adren e nascido impuro como seus olhos podem ver. Devemos ir até a casa de reuniões.

- Saudações irmão Caminha na Noite. – Chepi impõe um tom positivo em sua voz para mostrar que a aparência dele em nada importava – Pelo visto já tens ciência de mim e de minha chegada. Mesmo assim me chamo Chepi Nuna, Cício Ecoante. Medewinwin Uktena e nascido entre os homens.

Cício Ecoante e Caminha na Noite partem para a casa de reuniões. Eles caminham pelo Caern enquanto Chepi vislumbra os espíritos que aparecem ao redor do local do encontro, os quais fazem o Uktena se sentir particularmente confortável com aquele ambiente. Ele ajusta sua bolsa às costas antes de adentrar no local, acompanhando seu companheiro de tribo. Senta-se à mesa, e logo vê um rosto familiar. Seus olhos claramente revelam surpresa ao verem seu companheiro de Matilha, Passolargo adentrar no local. Chepi se levanta com um meio sorriso à cara só para ser abraçado por seu amigo.

- Cício Ecoante meu irmão e amigo. Não esperava ver você dessa maneira inesperada, certamente Éolo desejou que esse encontro inesperado ocorresse. Caso eu não sentisse uma legítima surpresa não iria agir desse jeito bobalhão.

- Vejo que não mudou em nada Passolargo. Fico muito feliz que esteja aqui irmão, e certamente o Éolo também. – Ele fala então em tom mais baixo. – Agora me solte que estou começando a ficar constrangido.
avatar
X-Fox
Uktena
Uktena

Mensagens : 75
Data de inscrição : 05/10/2012
Idade : 24
Localização : ???

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  Alexyus em Qui 23 Jan 2014 - 16:27

Alaín apresentou-se rapidamente e escutou o relato do roedor de ossos, que escondia seu medo por trás de um vocabulário chulo e postura de deboche. Mas o cerne do relato não lhe escapou, e era bastante preocupante.

Uma máquina atacara os defensores do caern dos senhores das sombras e dos andarilhos do asfalto. Propositalmente, pilotada por um ser que ao menos parecia humano.

Com permissão de Adam, ele inquire:

- Podemos ver as imagens das fitas?
avatar
Alexyus
Presas de Prata
Presas de Prata

Mensagens : 1783
Data de inscrição : 14/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  Tony.Zefs em Qui 23 Jan 2014 - 20:38

Ouço as palavras de Katherine, elas são pesadas… mas instigam a curiosidade...

Bebo um pouco do vinho enquanto absorvo as suas palavras….

”Entidade Tecnológica… Interessante… Mesmo sabendo que é um jogo arriscado, acho que posso ajudar…”

Olho para Katherine, e continuo a conversa…

”Bom… Sei que realmente é um jogo perigoso… Mas estou interessado em saber mais e ver com meus próprios olhos o que está acontecendo com a weaver por lá… Conhece alguem por lá ?”

Bebo um pouco mais do vinho, e acompanho as suas palavras.


Narração
Minha Fala
Pensamento


                                                                                                         

Neal Schmitt -  Domador de Aranhas - Andarilho do Asfalto - Hominideo - Ragabash

Presa de Sangue - Garra Vermelha - Lupino - Arhoun

Oliver Queen - Parente Fianna - Socio da Alpha Moon
avatar
Tony.Zefs
Moderador
Moderador

Mensagens : 540
Data de inscrição : 25/09/2012
Idade : 29
Localização : Casa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  LeoPrata em Seg 27 Jan 2014 - 15:52

Neal Schmitt

Katherine percebe que aguçou ainda mais a curiosidade de Neal que pergunta se ela conhecia alguém em Toronto que pudesse lhe ajudar...

Loba dos sonhos Negros - Uma juíza em Toronto de nome Patrika, ela é uma Adren de nossa tribo. Não é uma pessoa muito afável se você entende o quero dizer, mais acho que pode nos direcionar.

Neal vê claramente que sua "mentora" não tem influências nas terras de Toronto, entretanto, ele crê que o direcionamento que a tal Patrika pode dar seja um contato ou aliado mais acessível a lhes dar informações. Além disso ainda tem Damian, Neal ainda possui seu contato (pelo menos ela acha isso).


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  LeoPrata em Seg 27 Jan 2014 - 15:54

Alaín Bourdon

Adam olha para Alaín depois da pergunta sobre a possibilidade de ver as imagens citadas por Donovan...

Adam - Não será uma tarefa fácil, mais acho que é aí que você fará a diferença nobre irmão.

Alaín escuta e já esperava que o interesse em suas habilidades, ainda mais sobre como ter acesso as imagens...

Donovan - Nosso Alfa é um Andarilho, então, teve acesso rápido as imagens. Só que como era de se esparar dos putos das sombras eles travaram o conteúdo de tudo para sabe-se lá o que.

Nesse instatente o líder da matilha faz uma rápida observação e repreende Donovan...

Conto Urbano - Nem todas as imagens são úteis e muitas foram danificadas durante o ataque. Peço a todos, em especial a você Donovan que não especule em meio a uma crise. Alaín você é um diplomata e poderia ser apresentado por mim a um dos Adrens de minha tribo a serviço do Caern Visão Digital. Uma vez a serviço da seita seria mais fácil para você descobrir mais sobre as imagens, o que me diz?


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  LeoPrata em Seg 27 Jan 2014 - 15:55

Canção das Trevas

Eco dos Becos pondera as palavras do jovem Garou e responde em tom meio cansado...

Eco dos Becos - As outras seitas de Toronto você diz? Se conseguir ajuda delas você se tornaria uma figura e tanto por aqui, nem quando sumiram parentes de todas as tribos conseguimos cooperação de todos por aqui. A ajuda de fora foi mais valiosa em alguns casos do que a ação dos Garou da própria cidade de Toronto. No final quando iam ser atacados de forma feia os ditos Puros resolveram se mexer e fazer alguma coisa para dizer que nós erramos mais uma vez e eles salvaram o dia. E parece que a maioria abaixa sempre a cabeça para esses caras, seja por respeito a algum segredo que guardam ou pura pena. Enfim, é melhor cuidarmos cada um a nossa maneira do que tentar alianças que só deram certo no passado.

Vincenzo nota que a política da cidade é mais difícil do que ele julgava e alianças não são normais, por isso o fato de pedirem ajuda para Garou de outras cidades...

Eco dos Becos - Além disso, não sou um Theurge e sim um Galliard, infelizmente minha matilha perdeu seu vidente durante o ataque de Metallus, mais iremos ter ajuda sim de um Theurge experiente e creio que achando algumas respostas ele logo possa se juntar a nós com reforços. Assim iremos bem preparados para nossa jornada a "casa" do espírito Metallus.

Não tem como negar que o alfa Eco dos Becos está obstinado em vingar seus companheiros e isso pode ser perigoso, mais perdas são coisas que mexem com a fúria como bem sabe Canção das Trevas.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  The Grand Wizard [Passo] em Seg 27 Jan 2014 - 21:40

[Interprete que assim que vi Fox guardei o machado na mochila, apenas para ter as mãos livres por um momento.]

fox escreveu:- Vejo que não mudou em nada Passolargo. Fico muito feliz que esteja aqui irmão, e certamente o Éolo também. – Ele fala então em tom mais baixo. – Agora me solte que estou começando a ficar constrangido.

Não fale isso, seu bosta. Não fale, se for falar que seja baixo... Falo talvez alto o suficiente para quem estiver mais próximo possa escutar. - Você está ficando constrangido? Imagina eu, sentindo alguma coisa dura sua fazendo pressão em mim! Não imaginava que sentia esse tipo de saudade. Espero que seja um aparelho celular...  - Índio com celular?

[Caso alguém ameace um frenesi eu procuro recuar lentamente fazendo um gesto de calma com as duas mãos. Caso contrario segue assim.]

Termino o abraço e olho bem em volta, caso alguém parece ter ouvido e não gostado digo lentamente, usando do meu melhor charme.

Ronny - Apenas brincando antes de cair em cima da Weaver e Wyrm em Toronto, não posso perder uma brincadeira, sabem como o coiote é, não?  - Não faço nem ideia, mas dúvido que seja tão retardado como esse Ragabash aqui, mas caso não gostem disso posso simplesmente mandar eles tomarem no cu da Wyrm.

Faço um gesto de apresentação, demonstrando os que vieram comigo e digo com uma voz serena.

Ronny - Esses são os nobres Garou de Niagra que foram me buscar em Vancouver, todos são nobres o bastante para ter Hélios como totem. -





Frases de Ronny
- Você não deve esperar de mim nada além de escárnio, lisonja e mentiras. E jamais dê as costas para mim, filho da puta!
- Eu sou tolo por dizer que você é um idiota de primeira e apontar seus erros? Não há tolice maior do que ficar contra mim, é justamente isso que você fez, tolo.
- Inimigos suficientemente perfurados, mordidos, partidos ou explodidos, ou seu dinheiro de volta.
- Eu perguntei se eles queriam resolver tudo de um modo fácil. Fácil para mim.
- "Totalmente" é o meu modo favorito de FUDER as coisas!


Narração
- Minha Fala -
Pensamento
[Sobre a Rolagens de dados e detalhes do Sistema]
avatar
The Grand Wizard [Passo]
Admin
Admin

Mensagens : 1891
Data de inscrição : 24/12/2010
Idade : 28
Localização : Pra lá de Além Paraiba

Ver perfil do usuário http://lobisomemoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  Daniel Ramone em Seg 27 Jan 2014 - 22:00

Eco dos Becos - As outras seitas de Toronto você diz? Se conseguir ajuda delas você se tornaria uma figura e tanto por aqui, nem quando sumiram parentes de todas as tribos conseguimos cooperação de todos por aqui. A ajuda de fora foi mais valiosa em alguns casos do que a ação dos Garou da própria cidade de Toronto. No final quando iam ser atacados de forma feia os ditos Puros resolveram se mexer e fazer alguma coisa para dizer que nós erramos mais uma vez e eles salvaram o dia. E parece que a maioria abaixa sempre a cabeça para esses caras, seja por respeito a algum segredo que guardam ou pura pena. Enfim, é melhor cuidarmos cada um a nossa maneira do que tentar alianças que só deram certo no passado.

Vincenzo faz uma expressão de lamento com as palavras de Eco dos Becos.

“Essa postura de desorganização é quase um clichê para a nossa raça. Ah, se nossos líderes fossem escolhidos através da astúcia ao invés da força bruta! De qualquer forma me lembrarei deste conflito, talvez eu possa fazer minha fama trazendo um pouco de luz as mentes destes cabeças-duras.”

Eco dos Becos - Além disso, não sou um Theurge e sim um Galliard, infelizmente minha matilha perdeu seu vidente durante o ataque de Metallus, mais iremos ter ajuda sim de um Theurge experiente e creio que achando algumas respostas ele logo possa se juntar a nós com reforços. Assim iremos bem preparados para nossa jornada a "casa" do espírito Metallus.


- Oh, sim. Perdoe minha confusão, são tantos nomes e rostos novos... Bem se esta é a sua palavra de alfa, amém! Juro lealdade semelhante à de sua beta. E já que a missão é caçar, como posso resistir?

Vincenzo sorri para ganhar a simpatia de seus supostos novos companheiros, mas por dentro reina a preocupação de que se unir àqueles impulsivos Andarilhos do Asfalto possa comprometer sua reputação. Porém quer ver com os próprios o que está havendo e qual foi o resultado do ataque do tal Metallus. Se para isso tivesse de entrar em brigas desnecessárias, tudo bem, caçar era o seu hobby.

off: Se houver algum tempo para preparativos ou afins, meu personagem busca se aproximar com sutileza dos outros membros da matilha e fazer as seguintes perguntas: Que personalidade você atribuiria ao tal Metallus? Ele fala como um mero espírito ou há algo de humano em seus modos? Qual o grau de inteligência que você diria que este espírito possui?


Ação
Fala
Off
Pensamento
avatar
Daniel Ramone
Senhores das Sombras
Senhores das Sombras

Mensagens : 443
Data de inscrição : 29/12/2013
Idade : 30
Localização : Pet Sematary

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  X-Fox em Ter 28 Jan 2014 - 9:24

- Você está ficando constrangido? Imagina eu, sentindo alguma coisa dura sua fazendo pressão em mim! Não imaginava que sentia esse tipo de saudade. Espero que seja um aparelho celular...

- Desculpe, é a minha algibeira. - fala Chepi em tom frio, afastando Passolargo com os braços e sem entender a piada.

- Esses são os nobres Garou de Niagra que foram me buscar em Vancouver, todos são nobres o bastante para ter Hélios como totem.

Chepi faz uma reverência. E depois faz um movimento de lado a fim de apresentar o outro Uktena.

- É um prazer conhecê-los. Este é Caminha na Noite-rhya, um irmão de tribo e quem me acompanhou durante a breve estadia no Caern. Sentemo-nos.

Cício Ecoante senta-se no seu antigo lugar na mesa e espera os outros tomarem lugar também.
avatar
X-Fox
Uktena
Uktena

Mensagens : 75
Data de inscrição : 05/10/2012
Idade : 24
Localização : ???

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  LeoPrata em Ter 28 Jan 2014 - 15:59

Passolargo - Cicio Ecoante

Você está ficando constrangido? Imagina eu, sentindo alguma coisa dura sua fazendo pressão em mim! Não imaginava que sentia esse tipo de saudade. Espero que seja um aparelho celular.

Passolargo percebe que mesmo os peregrinos que o acompanharam preferiram "virar o rosto" ao que foi dito, mas um homem que acompanha Cicio Ecoante (sentado ao lado) se levanta de forma abrupta e fala rispidamente...

??? - Porte-se com respeito, você está dentro de um Caern do povo puro. Guarde seus modos de Wazichu pra si.

TESTE:
Passolargo rolou 7D10 (percepção + ocultismo), obtendo: 4-10-6-4-7-5-1 [Diff:6]. Rolamento de especialização: 8 - Total: 3 Sucessos.

Passolargo pensa sonoramente em um foda-se para o cara, só não gostou de ser chamado de algo que desconhece, além do mais pela sua experiência o sujeito é um mulo pela cor albina de seus olhos, mais o mesmo exala um cheiro de morte. Talvez ele já tenha sido alvo de ataque de um maldito poderoso ou coisa do tipo que lhe deixou essa "marca".

Cicio apresenta o Garou ao seu lado como Caminha na Noite um membro da tribo Uktena, Passolargo fala em tom calmo e exalando simpatia que ameniza o clima...

Apenas brincando antes de cair em cima da Weaver e Wyrm em Toronto, não posso perder uma brincadeira, sabem como o coiote é, não?

Depois ele apresenta seus companheiros na jornada até o Caern...

Esses são os nobres Garou de Niagra que foram me buscar em Vancouver, todos são nobres o bastante para ter Hélios como totem.

Assim que Ronny termina a fala 2 lupinos, um por sinal bem grande e destoando do tamanho de um lobo normal, adentram a casa de reuniões. O menor tem pelo avermelhado e parece mais velho, já o outro tem o pelo cinzento e porte imponente (Raça Pura 5), então o mais velho fala...

??? - São Garou respeitáveis os filhos do Sol de Niagara e todos que querem desfazer os sonhos estranhos da Aranha Fiandeira. Sua teia já deixou a Wyrm enlouquecida escapar e agora de seu ventre outra aberração brota. Meu povo e os Wendigos sempre tentaram curar a insanidade dos que vivem a beira das obras da Weaver, mais creio que todo nosso esforço não foi suficiente.

[O lobo Maior fala]

??? - Sou Grande Pescador, Ahroun - Athro do povo Wendigo e nascido entre os homens. O nobre Pata que Comanda Espírito-rhya é um irmão do povo Garra Vermelha e temos tentado parar a loucura vinda da selva da Weaver. Mais ela cuspiu um espírito a sua imagem para atacar esta terra, começaram pela seita dos lobos urbanos. Logo eles que se diziam amigos da Weaver viram ela se voltar contra eles, mais agora tememos quanto toda a nossa terra e também por terras distantes onde o povo vive e luta contra o mundo insano. Sabemos pouco, mais ainda existem alguns poucos Garou que mesmo estando perto das cicatrizes mantém a razão.

O Athro olha para o Uktena ao lado de Cicio Ecoante, este então levanta e fala brevemente...

Caminha na Noite - Descobri que um espírito que se auto-chamava Metallus atacou 2 matilhas na umbra que cercava o Caern Urbano. Ao todo 4 membros, 2 de cada matilha morreram e o restante só está vivo porque o tal espírito apareceu e sumiu da mesma forma sem explicação. No mundo físico uma máquina estranha que perfurava o solo e atirava para todas as direções matou 2 grupos de parentes que faziam a segurança do entorno, ao todo 16 pessoas e depois invadiu o Caern que fica em um prédio. Mais pessoas foram feridas e coisas foram levadas, o vigia do Caern perdeu parte do braço esquerdo e ainda está desacordado por causa de uma doença que entrou em seu sangue após a batalha. Isso é tudo.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  LeoPrata em Ter 28 Jan 2014 - 16:19

Canção da Trevas

[Vou adiantar um pouco, mesmo porque com certeza não haveria diálogo só com um cara]

Após as apresentações e conversas inicial com o Alfa, todos se encaminham para uma sala que mais se parece com um refeitório, só que bem mais bonito e bem arrumado. O local é uma sala ampla com a janela fumê, ao centro uma mesa de fórmica de cor clara e bancos acolchoados que seguem a mesma tonalidade da mesa. Na parede esquerda e direita duas Tvs de LED de 50", tanto aúdio com a iluminação da sala são embutidos no teto. Existe uma pequena cozinha planejada com fogão de 4 bocas, geladeira de duas portas e duples, adega e microondas. Alguns utesílios de cozinha ficam pendurados e a mão de quem quiser usar, além de espremedor de frutas, cafeteira e outros. No fundo próximo a janela ainda tem duas portas (banheiros) e no canto oposto um filtro com alguns copos descartáveis. Cada um pega na geladeira o que quer, desde frutas a congelados de fácil preparo, além de bebidas. Vincenzo então começa a falar com os outros membros da matilha, o Alfa não os acompanha no momento e o jovem tem perguntas que não lhe saem a cabeça...

Que personalidade você atribuiria ao tal Metallus? Ele fala como um mero espírito ou há algo de humano em seus modos? Qual o grau de inteligência que você diria que este espírito possui?

Nora Julga Fatos (Andarilhos do Asfalto - Filodox - Adren - Beta) - Olha é um ser frio, sem emoções, uma máquina que por algum motivo deduziu que precisamos de um padrão complexo em nosso mundo.

Portti Fuga Ligeira (Hominídeo - Roedores de Ossos - Ragabash - Fostern) - Sabe meu caro, você agora que falou fez a parada espalhar no ventilador, realmente não lembro daquele viadão de metal ter voz robótica. Parecia uma voz normal só que alta igual a um Trovão!!! Sem trocadilhos.

Nora - Também não percebi nenhuma voz humanóide no espírito, pelo contrário, sua fala era bem audível. Mesmo sendo alta e imponente ele não passava a impressão de querer intimidar, só de cumprir alguma "programação".

Portti - Não sei muito de programação, mais que o puto sabia atacar isso sabia. Dilacerou o pobre do meu irmão Ryan com um chuva de vidro e metais pontiagudos e depois fritou o cérebro do meu outro irmanzinho, o Jordan. Não sou um Lua Cheia mais tô cheio de ódio e muito afim de fuder com aquele desgraçado.

Nora - Se nos lançarmos em fúria vamos todos morrer, temos que pensar e saber como agir. Aliás você tem alguma idéia Vincenzo?


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  The Grand Wizard [Passo] em Ter 28 Jan 2014 - 18:38

Como bem sabia. Deu merda, mas não tanta. Sei muito bem que meu potencial para causar caos sem sentido e ofensas soberbas é muito maior. "Totalmente" é o meu modo favorito de FUDER as coisas!

??? - Porte-se com respeito, você está dentro de um Caern do povo puro. Guarde seus modos de Wazichu pra si.

Dou um meio sorriso e lanço minha pequena desculpa inicial. Entretanto fiquei curioso, não sei o que Wazichu significa. Talvez seja algum nome de Pokémon, é coisa de Japa? Um bom Lua-nova sempre nota os detalhes, mesmo na escuridão e na confusão. Enquanto atiro merda de cavalo nas botas do rei ele nota sua coroa. O revoltado é um Impuro, sua aparência e atitude revelam isso. Entretanto não sei qual é o Posto dele, é só poderia chutar seu Augúrio. E mais, ele de algum modo foi tocado pela Wyrm, vi isso antes  em Atormentada-Pelos-Invisíveis. A Theurge Impura sem dúvida alguma além de ser perturbada pelas aparições tinha o toque da Wyrm tanto no espírito como na mente.

Irei falar para turminha de Rá sobre isso assim que tiver uma oportunidade, agora vamos deixar o joguinho social rolar. Queria ter um quadrinho do Conan ou Solomon Kane para ir lendo enquanto isso, talvez dê uma olhada em algum sebo em Toronto. Vejo um lobo vermelho com evidente ancestralidade sanguinária, penso ser talvez um Garra Vermelha, mas estou sinceramente pouco me fudendo, agora tenho um objetivo. Passar em um sebo e ver se encontro algo legalzão. Se Alba ficar barriguda dessa vez quero ter umas coisas legais para ler para o filhote.

...ela cuspiu um espírito a sua imagem para atacar esta terra, começaram pela seita dos lobos urbanos. Logo eles que se diziam amigos da Weaver viram ela se voltar contra eles, mais agora tememos quanto toda a nossa terra e também por terras distantes onde o povo vive e luta contra o mundo insano. Sabemos pouco, mais ainda existem alguns poucos Garou que mesmo estando perto das cicatrizes mantém a razão.

OK. Acabo me distraindo um pouco enquanto o grandão vai falando, lembro que aprendi a ler lendo a revista MAD, alguns idiotas diriam que isso explica muita coisa. Mas pegando novamente o papo penso em rir feito um babaca. Ela cuspiu? Seja ela quem for, tem que aprender que o certo é engolir. Aquela lourinha Parente Cria de Fenris sabia disso muito bem.

[Teste social de Carisma e de Raça Pura para minimizar qualquer atrevimento e tentar ganhar um pouquinho eles ao deixar claro que sempre são os Uktena, Wendigo, Peregrinos e Garras que resolvem as coisas, seja isso verdade ou não.]

Ronny - Tenho uma curiosidade. Quando vim para Toronto um tempo atrás tinha um Senhor das Sombras, creio que ele era importante nesse caern e parecia resoluto. O que ocorreu com ele e tantos dos outros Garou desse caern urbano? Eles estão fazendo algo além de ficarem com seus joguinhos políticos ou estão entulhados em burocracia e os Garou subestimados terão que cuidar de tudo como sempre?

Cruzo os braços e transpareço total seriedade mostrando que apesar de qualquer brincadeira de mal gosto, sou um Garou compromissado e sério ao cumprir o dever de Gaia.

[Segundo teste social se achar necessário.]

Ronny:

avatar
The Grand Wizard [Passo]
Admin
Admin

Mensagens : 1891
Data de inscrição : 24/12/2010
Idade : 28
Localização : Pra lá de Além Paraiba

Ver perfil do usuário http://lobisomemoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  Daniel Ramone em Ter 28 Jan 2014 - 22:48

Vincenzo se impressiona com a sofisticação daquele lugar, obviamente fora adaptado para saciar tanto a vida espiritual quanto mundana. Ao ver que o alfa não está mais por perto e que todos se vêem relaxados, divide suas dúvidas com os outros membros.

Nora Julga Fatos (Andarilhos do Asfalto - Filodox - Adren - Beta) - Olha é um ser frio, sem emoções, uma máquina que por algum motivo deduziu que precisamos de um padrão complexo em nosso mundo.

“Uma máquina controlada por alguém ou um espírito enlouquecido? Preciso aprofundar isso.”

Portti Fuga Ligeira (Hominídeo - Roedores de Ossos - Ragabash - Fostern) - Sabe meu caro, você agora que falou fez a parada espalhar no ventilador, realmente não lembro daquele viadão de metal ter voz robótica. Parecia uma voz normal só que alta igual a um Trovão!!! Sem trocadilhos.


“Por Gaia, mas que Garou mais rude! Porém ele confirmou um ponto do qual eu suspeitava. Tenho 90% de certeza de que alguém com algum interesse mesquinho controla o tal Metallus de longe como a um brinquedo.”

Nora - Também não percebi nenhuma voz humanóide no espírito, pelo contrário, sua fala era bem audível. Mesmo sendo alta e imponente ele não passava a impressão de querer intimidar, só de cumprir alguma "programação".


“E novamente voltamos à teoria do espírito fora de controle. Mas o caso dos arquivos roubados me intriga, seria a Weaver tão astuta ao ponto de furtar informações de seus inimigos? Este não me parece o comportamento de um espírito, muito menos um que nunca foge dos padrões.”

Portti - Não sei muito de programação, mais que o puto sabia atacar isso sabia. Dilacerou o pobre do meu irmão Ryan com um chuva de vidro e metais pontiagudos e depois fritou o cérebro do meu outro irmanzinho, o Jordan. Não sou um Lua Cheia mais tô cheio de ódio e muito afim de fuder com aquele desgraçado.

“Parece que Metallus está perfeitamente armado para lidar com qualquer com qualquer tipo de investida que fizermos. Tenho um mau pressentimento sobre este futuro encontro. Mas preciso ver esta criatura com meus próprios olhos e testá-la eu mesmo. Espera aí, será que Eco dos Becos pretende mesmo ir para a batalha sem o auxílio de um Lua Cheia? Se assim for, começo a duvidar da sensatez deste alfa. Mais do que nunca, que Sangue na Neve esteja olhando por mim.”

Nora - Se nos lançarmos em fúria vamos todos morrer, temos que pensar e saber como agir. Aliás você tem alguma idéia Vincenzo?

- Sim, tenho algumas. Eu mesmo posso encontrar um ponto fraco na criatura, ou até clamar pela ajuda da Wyld se um Theurge me autorizar. Também tenho alguns planos de combate: A criatura me parece grande, talvez lenta e desajeitada, pelos buracos que vi lá fora, então um Garou rápido em quatro patas pode distraí-la e deixá-la vulnerável para o ataque de outros. Também há a possibilidade de a derrubarmos com o dom Toque da Queda. Uma vez no chão seus movimentos mecânicos dificilmente a porão de pé novamente. E por fim, contamos com você e Eco dos Becos, creio que a tribo a que ambos pertencem lhes dotou de dons capazes de causar pane em mecanismos, mas sempre devem se lembrar de que não devem tentar controlá-lo, ou pode se repetir o que aconteceu com o Theurge da matilha de vocês.  



Ação
Fala
Off
Pensamento
avatar
Daniel Ramone
Senhores das Sombras
Senhores das Sombras

Mensagens : 443
Data de inscrição : 29/12/2013
Idade : 30
Localização : Pet Sematary

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  Alexyus em Qui 30 Jan 2014 - 11:40

Alaín ficou contente de finalmente encontrar alguma utilidade para seus talentos.

Ele respondeu a Conto Urbano:

- Será um prazer conhecer seus adrens e dialogar com eles, irmão. Quando podemos fazer isso?
avatar
Alexyus
Presas de Prata
Presas de Prata

Mensagens : 1783
Data de inscrição : 14/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  Tony.Zefs em Qui 30 Jan 2014 - 22:15

Bebo um pouco e penso um pouco sobre como essa juíza poderia me ajudar...

"Contatos talvez... Mas não posso esperar muito, vou precisar de mais detalhes vindo de Damian e investigar o resto por minha conta..."

Viro-me para Katherine, e falo...

"Bom... Vamos aproveitar a noite, amanhã terei muito o que arquitetar e uma viagem... Vamos ouvir algumas musicas... A sua ajuda como sempre foi perfeita"

Aproveito para relaxar e conversar com Katherine sobre a minha matilha, como as coisas andam para um jovem Cliath e pego o contato da Juíza.

No amanhecer, após arrumar as malas, ligo para Damian.

"Aceito o seu convite... Assim que definir o Vôo para Toronto lhe informo. Pode me encontrar no aeroporto ? Precisamos conversar mais."

Após a afirmação, desligo o telefone e vou verificar os possíveis vôos e escolho um que parta logo cedo e possa ir tranquilamente.


Narração
Minha Fala
Pensamento


                                                                                                         

Neal Schmitt -  Domador de Aranhas - Andarilho do Asfalto - Hominideo - Ragabash

Presa de Sangue - Garra Vermelha - Lupino - Arhoun

Oliver Queen - Parente Fianna - Socio da Alpha Moon
avatar
Tony.Zefs
Moderador
Moderador

Mensagens : 540
Data de inscrição : 25/09/2012
Idade : 29
Localização : Casa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  X-Fox em Sex 31 Jan 2014 - 13:22

Chepi faz uma voz mansa para a apresentação, tentando minimizar o desentendimento na cabana. A última coisa que ele não queria naquele momento era algum tipo de conflito entre os companheiros. Ele conhece o jeito descontraído de Passolargo, mas os outros não o compreendem da mesma forma, e se sente mais calmo quando o mesmo consegue contornar a situação, amenizando a tensão entre os dois. Cício faz menção para que todos se sentem, mas antes disso ele é interrompido pela entrada de dois Garou no local, que sem cerimônia começam a discursar.

- São Garou respeitáveis os filhos do Sol de Niagara e todos que querem desfazer os sonhos estranhos da Aranha Fiandeira. Sua teia já deixou a Wyrm enlouquecida escapar e agora de seu ventre outra aberração brota. Meu povo e os Wendigos sempre tentaram curar a insanidade dos que vivem a beira das obras da Weaver, mais creio que todo nosso esforço não foi suficiente.

- Sou Grande Pescador, Ahroun - Athro do povo Wendigo e nascido entre os homens. O nobre Pata que Comanda Espírito-rhya é um irmão do povo Garra Vermelha e temos tentado parar a loucura vinda da selva da Weaver. Mais ela cuspiu um espírito a sua imagem para atacar esta terra, começaram pela seita dos lobos urbanos. Logo eles que se diziam amigos da Weaver viram ela se voltar contra eles, mais agora tememos quanto toda a nossa terra e também por terras distantes onde o povo vive e luta contra o mundo insano. Sabemos pouco, mais ainda existem alguns poucos Garou que mesmo estando perto das cicatrizes mantém a razão.

“Certamente estes lobos urbanos atraíram essa maldição para si. A Weaver não é confiável, e mesmo assim eles escolheram abraçá-la. Agora o perigo que ronda as grandes construções ameaça tanto a eles quanto a nós. Temos que fazer de tudo pra parar esse mal, antes que ele destrua totalmente os sobreviventes de Toronto.” – Chepi pensa.

- Descobri que um espírito que se auto-chamava Metallus atacou 2 matilhas na umbra que cercava o Caern Urbano. Ao todo 4 membros, 2 de cada matilha morreram e o restante só está vivo porque o tal espírito apareceu e sumiu da mesma forma sem explicação. No mundo físico uma máquina estranha que perfurava o solo e atirava para todas as direções matou 2 grupos de parentes que faziam a segurança do entorno, ao todo 16 pessoas e depois invadiu o Caern que fica em um prédio. Mais pessoas foram feridas e coisas foram levadas, o vigia do Caern perdeu parte do braço esquerdo e ainda está desacordado por causa de uma doença que entrou em seu sangue após a batalha. Isso é tudo.

Passolargo, logo toma a palavra.

- Tenho uma curiosidade. Quando vim para Toronto um tempo atrás tinha um Senhor das Sombras, creio que ele era importante nesse caern e parecia resoluto. O que ocorreu com ele e tantos dos outros Garou desse caern urbano? Eles estão fazendo algo além de ficarem com seus joguinhos políticos ou estão entulhados em burocracia e os Garou subestimados terão que cuidar de tudo como sempre?

Cício Ecoante dá uma boa olhada naqueles que estão presentes no local (peço descrição de todos, por favor). Agora, ele tenta pensar em um jeito de agir diante da situação. A informação de certo era pouca, e sem isso, de acordo com a experiência dele, uma empreitada desse tamanho teria grande chances de fracasso. Se eles fossem para essa missão, a primeira coisa a fazer seria tentar entender o espírito, e para isso eles precisariam da ajuda daqueles que já tiveram contato com ele e sobreviveram. Chepi faz um sinal, pedindo a permissão da palavra, e então diz:

- Compartilho um pouco de seu pensamento irmão, mas esta não seria a hora para esses questionamentos. Nosso objetivo agora é proteger nossa gente e nossas terras, independente de quem foi que atraiu este mal. Não seria de nosso feitio dar as costas a um irmão caído. O que temos que fazer agora é nos concentrarmos em combater esta entidade, e para isso temos que entendê-la. Caminha na noite-rhya, o que aconteceu com os Garou sobreviventes? - fala Chepi com voz serena.
avatar
X-Fox
Uktena
Uktena

Mensagens : 75
Data de inscrição : 05/10/2012
Idade : 24
Localização : ???

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  Klauss Krugger em Dom 2 Fev 2014 - 18:05

LeoPrata escreveu:Ira de Månen cumprimenta Klauss, entretanto, olha de cara bem feia para Servo da Justiça. Ao saírem da presença do ancião o Fostern interpela de maneira até agressiva o jovem Lua Nova e com garras apontadas para garganta do mesmo fala...

Servo da Justiça - Tem sorte de saber algo útil, até hoje não engoli o fato de não ter percebido que seus irmãos de seita tinham se corrompido. Vou ficar atento a qualquer movimento seu.

Ira de Månen - Pode ficar mais vai perder seu tempo. Já me encheram o saco com rituais e perguntas, nada foi encontrado. Saber que o inimigo estava a porta e não ter feito nada é pior que morte ou suas ameaças Meia Lua.

*Klauss não pensa duas vezes e puxa Ira para trás entrando no caminho de Servo da Justiça evitando que os garou se encarem, mesmo que as garras de Servo cheguem a tocar sua garganta procura se manter o mais calmo possível e ele sim encara a Servo.*

Klauss -- Agindo dessa forma está desonrando seu nome meu amigo, ou esquece que também tive contato com Mordida Ferrenha e Marreta Pesada, cheguei até mesmo a defende-lo de Caminhos Sangrentos, e agora você acusa Ira sem nenhuma prova, sei que ele pertence a mesma seita deles ...

*Klauss dá as costas a Servo da Justiça encarando Ira de Manen e dá uma piscada com o olho direito.*

Klauss -- Saiba Servo da Justiça... que se até o fim de nossa missão descobrirmos que Ira está se corrompendo ou escondeu alguma informação sobre nossos irmãos caidos eu mesmo irei arrancar sua pele e apresenta-lo aos anciãos.

LeoPrata escreveu:O clima fica tenso, mais o Fostern sai de cena assim como o Lua Nova, ambos saem direções opostas afim de buscar seus pertences para missão. Justiça de Prata faz o mesmo e os encontra na divisa, assim que chega Servo da Justiça fala...

Servo da Justiça - Vamos cruzar a cidade praticamente e vamos fazer isso em uma noite de Lua Crescente. Para nossa felicidade teremos um Theurge para nos guiar nas trilhas umbrais, ele é o alfa da matilha de Ira, um Fianna de nome Andy Trago Espiritual, também um Fostern. Só espero que ir até um Caern de filhos do Rato valha à pena.

O grupo se põe a caminhar pela Highway 52 voltando para velha Toronto, o Caern dos Fianna não é tão longe do território Fenris e 10 minutos depois os 3 Garou avistam um homem branco de aparência Inglesa (Irlandesa) a beira da estrada...

Trago Espiritual - Saudações, não os convido para beber, comer e festejar pois sei que tem pressa e meu contato disse que o membro dos Roedores de outra cidade não vai ficar muito tempo no Caern.

*Mesmo não tendo sido nomeado como alfa da matilha provisória Klauss se antecipa a seus irmão Fenrir e estende a mão em direção a Trago Espiritual cumprimentando e se apresentando.*


Klauss -- Sou Justiça de Prata, ahroun cliath, nascido entre os homens e mesmo seu convite para festejar sendo tentador, devemos deixa-lo para outra hora como sabe temos urgência.

LeoPrata escreveu:Ira de Månen - Tem um Roedor que chegou da América do Sul faz pouco tempo, parece que ele viu algo parecido em um dos países de lá. O problema é que o puto ficou com a informação e só soltou para o povinho dele, enquanto isso os outros se fodem.


Klauss -- Talvez eu consiga arrancar alguma coisa dele, afinal de contas já tive ajuda deles na minha visita anterior a Toronto... bem pelo menos não custa tentar antes de colocarmos o filho da mãe contra a parede ao bom estilo Fenris.

LeoPrata escreveu:As trilhas mesmo para o Theurge parecem confusas e algumas vezes ele pede orientação para um forma abstrata de um espírito cabra que o acompanha, a viagem é demorada e Trago espiritual dá preferência por passar por fora da cidade seguindo as margens do lago Ontário. Quando estam se aproximando do Caern do Rato ao longe luzes de cores estranhas e um cheiro muito forte de plástico queimado faz todos os 4 Garou ficarem em alerta.

Klauss -- Trago Espiritual ... existe a possibilidade de enviar seu aliado para verificar o que está acontecendo no caern do rato enquanto continuamos a nos aproximar? Porque caso precisem de nossa ajuda, assim poderemos estabelecer a melhor estratégia de combate.


Citação
Ação
Pensamento
Narração
Fala

"Leões e Tigres são fortes... mas lobos não trabalham em circo."

ficha Klauss Krugger
avatar
Klauss Krugger
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 2494
Data de inscrição : 18/04/2011
Idade : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  LeoPrata em Ter 4 Fev 2014 - 15:44

Passolargo e Cicio Ecoante

Testes:
Passolargo rolou 10D10 para teste social, Obtendo: 5-10-7-3-10-2-4-6-9-9[Diff]
Especialização: 6-1. Total: 6 Sucessos, sucesso absoluto.

As palavras de Passolargo soam não só bem mais parecem ter voltado a atenção para o Peregrino...

Ronny - Tenho uma curiosidade. Quando vim para Toronto um tempo atrás tinha um Senhor das Sombras, creio que ele era importante nesse caern e parecia resoluto. O que ocorreu com ele e tantos dos outros Garou desse caern urbano? Eles estão fazendo algo além de ficarem com seus joguinhos políticos ou estão entulhados em burocracia e os Garou subestimados terão que cuidar de tudo como sempre?

Chepi escuta as palavras ditas por seu irmão de matilha e depois de concedido o direito de falar opina...

Compartilho um pouco de seu pensamento irmão, mas esta não seria a hora para esses questionamentos. Nosso objetivo agora é proteger nossa gente e nossas terras, independente de quem foi que atraiu este mal. Não seria de nosso feitio dar as costas a um irmão caído. O que temos que fazer agora é nos concentrarmos em combater esta entidade, e para isso temos que entendê-la. Caminha na noite-rhya, o que aconteceu com os Garou sobreviventes?


O lobo maior e mais imponente toma a palavra e responde a primeira indagação de Passolargo...

Grande Pescador - Os lobos urbanos sempre peferiram seus jogos a fazer algo realmente útil. Se estão fazendo alguma coisa efetiva agora não querem nos contar.

Nesse instante Enxerga na Escuridão fala de forma franca e sincera para Ronny...

Enxerga na Escuridão - Jovem irmão, você é parte mais que fundamental para sabermos o que realmente acontece no lar dos lobos urbanos. Você já esteve lá e como disse ganhou a atenção de um dos anciões, creio que com as palavras certas ele possa confiar a você a real situação. Não foi escondido o ataque ou a perda que o Caern Urbano sofreu, porém, em se tratando de quem está lá sempre existe uma boa possibilidade de ter mais coisa escondida.

Um breve silêncio impera na casa de reuniões até Caminha na Noite se levantar e falar a esmo, mais de maneira que todos ouçam...

Caminha na Noite - Duas matilhas tiveram membros sobreviventes, mais vão querer resolver a situação do jeito deles. Com um bom Galliard quem sabe seria possível se comunuicar com o debilitado ex - Vigia do Caern, ele deve ter boas informações.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  LeoPrata em Ter 4 Fev 2014 - 15:48

Canção das Trevas

Nora parecia que iria dizer algo, entretanto, uma voz fria corta o breve silêncio no recinto...

??? - Boas idéias. Talvez não tenham falado algo a mais para você...Nada do que propôs daria certo.

Vincenzo nota um homem de meia-idade, muito bem vestido. Usa calça social e sapatos pretos perfeitamento polidos, além de uma blusa branca de linho com corte impecável. Apesar de ter uma certa idade apresenta boa forma, seu cabelo grisalho está penteado para trás e ele possui um olhar frígido e uma expressão um tanto vazia. Ele vai até a cafeteira e enche uma xícara generosamente, depois bebe até de maneira estranha o café (como se fosse água). Após isso ele passa próximo a Vincenzo que sente um leve cheiro de óleo de máquina assim que o mesmo se afasta, o homem senta duas cadeiras depois de Vincenzo e fala...

??? - O que você viu no mundo físico não tem relação com o espírito que estava na umbra, se existe uma ligação ainda não sabemos, mas, o fato é que o gigante de metal anula completamente qualquer poder ou autonomia sobre as máquinas, eu acho que o Theurge dos Batedores de Toronto descobriu isso da pior maneira e digo que foi ingênuo em tentar.

Nessa hora Portti se levanta e diz para Nora em alto e bom som...

Portti - O ambiente ficou carregado, prefiro não escutar certas coisas e nem responder como devo. Mais posso dizer Sr. Damian que entende bem a parte que disse sobre as máquinas não tem autonomia.

O velho sorri friamente enquanto o Ragabash sai do local. Novamente ele olha para Vincenzo e se apresenta...

??? - Peço desculpas pela minha indelicadeza, mais não queria perder a linha de raciocínio. Damian Paul - Dentes de Titânio - Andarilho do Asfalto - Ahroun, Adren e nascido entre os lobos.

Canção das Trevas se espanta em saber que o homem a sua frente era um lupino, aliás, é a primeira vez que sabe da existência de um lupino da tribo dos lobos da cidade. Cada vez as coisas ficam mais estranhas, mais talvez ele possa obter mais informações com Damian.

[Daniel faça suas considerações normalmente ao NPC, depois volto para esta parte. Vou adiantar um pouco as coisas]

Sua estada acaba sendo o Caern Vigília Urbana e logo pela manhã Vincenzo é avisado de um almoço. Pelo que parece Canção das Trevas "caiu" nas graças do carrancudo Ahroun dos Andarilhos. Um terno Gabana já foi providenciado para Vincenzo, bem como calça social e sapatos dos melhores para ocasião. Um jovem Presa de Prata vem conversar com Damian a pedido de um irmão de tribo (Andarilho), talvez ele tenha mais informações.

O local do almoço é uma pequena sala de reuniões, possui apenas seis lugares, porém, o ambiente é aconchegante com luz ajustável ao ambiente e temperatura padrão de 22º graus. A mesa é toda de metal e com tampo de vidro, as cadeiras são bem acolchoadas e feitas de alguma liga de metal também. Assim que os convidados entram no recinto são trazidos os pratos, talheres e a comida, um bom vinho acompanha carnes e legumes que são servidos. Após só estarem Damian, Vincenzo e os dois convidados o velho Andarilho fala...

Damian - Fale jovem Presa. Teremos bastante tempo e logo mais um convidado creio eu estará para chegar.


Última edição por LeoPrata em Ter 4 Fev 2014 - 15:54, editado 1 vez(es)


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Toronto - Estado de Alerta

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum